Saúde

Clique aqui para ver todos os posts com o tema de saúde, com opções naturais e ações interessantes para melhorar o seu dia-a-dia.

Receitas

Receitas de água na boca para todos os gostos: de vários lugares, doces e salgadas.

Notícias

Mantenham-se atualizados com as últimas notícias que estão rolando por Floripa e pelo mundo.

Curiosidades

Dicas e truques para fazer a vida um pouquinho mais fácil, e informações divertidas sobre todos os tipos de assunto.

Depoimentos

Opiniões e informações de todos os cantos da internet.

Bem vindos!

Variedades de Floripa ! notícias, política, depoimentos, críticas, curiosidades, vídeos e receitas !
Participe !

Todos os posts estão divididos por área, então se você tem interesse de ver somente um tipo de post, utilize a barra de categorias no topo da página, ou na seção de tags ao lado.
___________________________________________


segunda-feira, 29 de abril de 2013

Durian: a fruta com os sabores e odores mais sinistros do planeta!Intitulado o Rei dos Frutos, o Durian é apreciado e odiado em igual medida. Embora possua um odor repulsivo, há quem o considere a iguaria com o melhor sabor entre todas as frutas. Leia !


Durian: a fruta com os sabores e odores mais sinistros do planeta
A durian talvez se pareça com uma daquelas lendas urbanas, talvez algo que começasse com “um amigo de um amigo meu uma vez conheceu um cara que comeu uma fruta insuportavelmente fedorenta!”. Mas não, a durian realmente existe. Na verdade, trata-se de um fruto exótico incrivelmente apreciado em países do leste asiático.

Durian é descrita como macia e suculenta, sendo o fruto de uma árvore do gênero Durio, pertencente à família Malvaceae — que também inclui o hibisco e o quiabo, por exemplo. Em termos botânicos, é conhecido como Durio zibethinus.


Árvore de durian jovem. Um exemplar adulto pode chegar a 50 metros de altura.
Fonte da imagem: Reprodução/WikimediaCommons

Originalmente encontrado em Brunei, na Indonésia e na Malásia, o gênero Durio conta atualmente com 30 espécies descobertas, embora apenas nove entre elas gerem frutos comestíveis. Entre estas, é necessário esperar por cinco anos (contados a partir da plantação) para que seja feita a colheita — em árvores que podem atingir até 50 metros de altura.

Entretanto, talvez o que seja mais notável no durian seja mesmo a peculiaridade do sabor e do cheiro associados — o qual, conta-se, é praticamente capaz de atravessar paredes. São várias comparações: um par de meias sujas, algum material em estado avançado de putrefação etc. Bem, mas qual será a sensação de se comer uma durian? Para quem não pode sair comprar uma no mercado, talvez o vídeo abaixo ajude a elucidar a questão.



Proibido em hotéis e locais públicos
Independentemente de ser incrivelmente apreciado por muita gente na porção leste da Ásia — e também em outras regiões, naturalmente —, o odor terrível e intenso do durian precisou ser reconhecido pelas autoridades. De fato, a fruta acabou sendo proibida em locais públicos, tais como parques, shoppings, hotéis etc.

A contribuinte do site suite101 June Chua conta uma história relacionada à referida lei. De acordo com Chua, um casal de amigos tentou burlar o impedimento e, ao viajar para a Malásia, resolveu levar para dentro de uma suíte de hotel o tal fruto.


Fonte da imagem: Reprodução/WikimediaCommons

Entretanto, a gerência do estabelecimento acabou recebendo inúmeras reclamações do terrível odor, o que levou dois dedicados funcionários até a porta do quarto do casal. “Nós descobrimos que o cheiro de durian vinha deste quarto, por favor, saiam da frente”, disse um deles, vestido “como um astronauta”.

Apesar do aroma, nutritivo e ótimo para a saúde
Mesmo os detratores do durian precisam fazer uma concessão: trata-se de um fruto rico em diversas vitaminas e minerais. Isso provavelmente o colocaria no lugar do óleo de fígado de bacalhau, quem sabe? Confira abaixo algumas das propriedades do durian:

Sendo uma fruta tropical, o durian traz propriedades semelhantes às da banana e do abacate, por exemplo. Isto é, trata-se de um fruto rico em energia, vitaminas e minerais.
A polpa macia e a composição de açúcares simples (como a frutose e a sacarose) fazem do durian um alimento de fácil digestão e também capaz de revitalizar o organismo rapidamente. Embora seja bastante calórico, o fruto é desprovido de quaisquer gorduras saturadas e, é claro, colesterol.
O durian é rico em fibras, o que é um verdadeiro “presente” para os intestinos.
Trata-se de uma fruta rica em vitamina C, um antioxidante importante para aumentar a resistência do organismo a agentes infecciosos.
Durian é uma excelente fonte de potássio — um importante eletrólito celular que auxilia no controle dos batimentos cardíacos e da pressão arterial.
Trata-se, por fim, de fonte de aminoácidos essenciais, como o triptofano — que, no corpo, metaboliza-se em serotonina e melatonina, neurotransmissores importantes para a indução do sono e para o tratamento de epilepsias.

Fonte da imagem: Reprodução/WikimediaCommons

Enfim, mas serão o odor e o sabor do durian realmente suportáveis? Talvez o melhor seja você mesmo experimentar — embora seja aconselhável evitar locais públicos. Há opiniões positivas, afinal: “É um sabor excelente que ultrapassa o de todos os outros frutos do mundo”, afirmou um viajante inglês sobre o fruto em 1599.

Fontesuite101 NutritionAndYou

Dia Nacional da Mulher ! 30 de abril !


 Dia Nacional da Mulher
Foi no dia 30 de abril que nasceu a fundadora do Conselho Nacional da Mulheres, Sra. Jerônima Mesquita. Como homenagem àquela extraordinária mulher, grande filantropa, foi escolhido o dia de seu nascimento para se comemorar o Dia Nacional da Mulher.
Derrubaram-se tabus, obstáculos foram vencidos, a ocupação dos espaços foi iniciada. Graças à coragem de muitas, as mulheres conquistaram o direito ao voto, a chefia dos lares, colocação profissional, independência financeira e liberdade sexual. Apesar de válidas, essas aberturas ainda são uma gota num oceano de injustiças e preconceitos.
No último século, o movimento feminista contribuiu imensamente para a efetivação das conquistas das mulheres. Embora muito tenha sido feito, as respostas às questões femininas são pouco eficazes, já que os homens ainda detêm a hegemonia em diversos setores sociais. As politicas públicas ainda devem muitos feitos à população feminina.

Prova da necessidade de maior reconhecimento da mulher é a própria institucionalização de uma data-homenagem; se a sociedade efetivamente tivesse incorporado a idéia de que os dois sexos estão em pé de igualdade, não haveria necessidade de se criar um dia para lembrá-la; seria uma atitude inútil e redundante.
A busca incessante por um lugar ao sol está apenas começando. As mulheres seguem às voltas com os mais variados tipos de violência: no lar, no trabalho e na sociedade. São vítimas, na maioria das vezes silenciosas e indefesas, de agressões físicas, sexuais e psicológicas de todos os tipos e intensidades. E de outras tantas formas de violência, bem mais sutis, embora não menos perversas, como a desvalorização no mercado de trabalho (recebendo salários sempre menores do que os homens que exercem as mesmas funções), as dificuldades de ascensão a postos de comando (nas empresas e na política) e a dupla jornada, entre outras tantas.
Ao contrário do que se possa pensar, não é necessária uma "Guerra dos Sexos" para que o quadro de injustiças se reverta. Sem destituir-se de sua feminilidade, as mulheres podem engajar-se numa luta forte, mas não necessariamente agressiva. Provar ao mundo que não é necessário se revestir de um invólucro masculino para intimidar seus oponentes. A força feminina é suave e poderosa por si só.
A história de lutas e conquistas de tantas mulheres, muitas delas mártires de seu ideal, no decorrer de quase dois séculos, leva a humanidade a iniciar um novo milênio diante da constatação de que ela buscou e conquistou seu lugar. Mais que isso, assegurou seu direito à cidadania, legitimando seu papel enquanto agente transformador.
Fonte: Planeta news

domingo, 28 de abril de 2013

10 estranhas causas de dor de cabeça


Ninguém sabe exatamente quais as causas das enxaquecas conhecidas como migrâneas. Quando começa uma enxaqueca, não há muito a se fazer, além de se recolher em um quarto escuro e aguardar a dor passar. Apesar da causa ser desconhecida, não há falta de fatores que as disparam, de vinho tinto a sexo, passando por relâmpagos. Confira 10 surpreendentes fatores que disparam enxaquecas:

1. Estresse


Entre os fatores citados com mais frequência, o simples fato de estar estressado pode começar os flashes de luz e dores de cabeça de uma migrânea, segundo vários estudos.
Em uma pesquisa publicada em 2012 no Journal of Health Psychology, o estresse foi listado como a causa mais comum para as dores da migrânea.

2. Pressão atmosférica estranha

Os relâmpagos não são os únicos fenômenos atmosféricos capazes de causar uma enxaqueca. Estudos já mostraram que mudanças rápidas na pressão barométrica podem mudar a concentração de cargas no ar e causar uma inundação de serotonina no cérebro. A liberação de serotonina pode causar dor de cabeça.

3. Vinho e queijo

Um jantar romântico com vinho, chocolate e queijo pode ser um campo minado para quem sofre de enxaquecas. Muitos pacientes relatam que certas comidas disparam as dores.
Apesar de serem causas comuns, os especialistas ainda não descobriram quais os elementos químicos na comida podem ser responsáveis por iniciar a dor de cabeça, de acordo com um estudo publicado no periódico Neurological Sciences, em 2012.

4. Fome


Pode parecer que não comer aquele pretzel seja uma boa ideia, mas para muita gente que sofre de enxaqueca, a fome pode causar as dores de cabeça.
Um estudo publicado em 2005 no Cephalalgia descobriu que a fome estava ligada frequentemente com as migrâneas, principalmente as migrâneas com aura, ou luzes piscantes. Curiosamente, as dores de cabeça que a maioria das pessoas tem de vez em quando não são causadas pela fome.

5. Perfumes dolorosos


O Chanel nº5 pode ter um aroma sexy para alguns, mas para quem sofre de migrâneas, é uma garantia de um dia no quarto, com dores.
Um estudo feito em 2011, também publicado na Cephalalgia, descobriu que muitos pacientes apontam perfumes e outros odores fortes como mecanismos que iniciam as cefaleias.

6. Relâmpagos na cabeça


Outro tipo de luz piscante parece disparar enxaquecas – os relâmpagos de uma tempestade elétrica. Um estudo publicado no periódico Cephalagia em 2012 descobriu que os pacientes tinham 28% mais propensão a sofrer migrâneas em dias que tempestades arrebentavam perto de suas casas.
Não se sabe bem como é que os relâmpagos causariam as enxaquecas, mas uma possibilidade é que as mudanças nas cargas atmosféricas poderiam alterar as ondas elétricas do cérebro.

7. Luzes brilhantes


Cerca de 85% dos pacientes de enxaquecas dizem ser extremamente sensíveis a luzes brilhantes ou piscantes durante seus ataques. Entretanto, um estudo recente descobriu que a luz não era um causador tão forte quanto suspeitava-se.
Quando pacientes submetidos a luzes piscantes tiveram um pequeno aumento na frequência das enxaquecas, mas não o suficiente para provar que as luzes a disparam.

8. Hormônios na cabeça


A maioria dos que sofrem de enxaqueca são mulheres, e não é por acaso, já que mudanças hormonais podem ser causadoras das enxaquecas.
Um estudo publicado em 2012 no “Journal of Headache and Pain” descobriu que metade das mulheres que sofreram com migrâneas também sofriam de cólicas menstruais.
Mas se os hormônios podem ser a causa, também podem ser a cura. Outro estudo apontou que a oxitocina, o hormônio do amor, pode reduzir a frequência das enxaquecas.

9. Padrões irregulares


Muitas das pessoas que sofrem de enxaquecas conseguem identificar fatores que disparam as mesmas, como vinho tinto ou fome. Mas isso é complicado, porque sua frequência é muito variável, e ela pode ser causada por múltiplos fatores interagindo juntos.
Assim, embora pareça que aquela enxaqueca latejante veio do Merlot servido na janta, também é possível que outros fatores tenham participação no fenômeno.

10. Células cerebrais sensitivas


Embora ninguém saiba o que acontece realmente durante uma enxaqueca, uma teoria sustenta que suas vítimas são mais sensíveis que as outras pessoas, conforme conta Frederick Freitag, diretor da clínica de enxaquecas no Centro Médico da Universidade Baylor, no Texas (EUA).
Quando as pessoas têm uma migrânea, células cerebrais superexcitáveis disparam uma onda elétrica que se espalha pelo cérebro. Esta onda causa a liberação de prostaglandinas e serotonina e vasos sanguíneos dilatados – tudo o que pode causar uma dor de cabeça de matar.

Fonte: hypescience.com

Os Benefícios da Coalhada !


Coalhada: leite fermentado de elevado valor nutritivo - HUMMMMM...COALHADA! Conhecido como o primeiro alimento transformado que se tem notícia na história da humanidade e consumido há séculos em todo o Mediterrâneo Oriental, o leite fermentado (coalhadas iogurtes) é considerado o "Alimento dos Deuses" por suas características e propriedades.

Por exemplo, o iogurte é um dos mais populares e conhecidos tipos de leite fermentado existentes no mundo. A preparação de leites fermentados é uma das formas mais naturais que existem de conservação do leite, já que a acidificação funciona como um preservativo natural contra o desenvolvimento de muitas bactérias nocivas.

É, por esta razão, que os leites fermentados são oriundos de países quentes, e neles muito consumidos. Não fosse pela técnica da acidificação, muitas populações ficariam impedidas de consumi-lo, pelo menos em condições mínimas de segurança.

A coalhada é um tipo de leite fermentado de elevado valor nutritivo, pois como ocorre, nos demais leites fermentados, seus elementos (do leite) são parcialmente pré-digeridos durante o processo de fermentação.

O elevado valor biológico das proteínas no leite fermentado é superior ao leite fresco, proporcionando o aumento da biodisponibilidade de vitaminas do complexo B, no intestino humano e a melhor absorção do cálcio pelo organismo.
A coalhada, elaborada a partir de leite desnatado chega a ser 6 vezes mais digerível que o leite comum.

A coalhada contribui pelo equilíbrio do ecossistema intestinal promovendo o seu balanceamento e, como resultado, modulando diarréias causadas pelo uso de antibióticos, por situações de stress e por tratamentos infecciosos, quimioterápicos e radioterápicos. Também atua na regularidade intestinal, principalmente para idosos.

Ilya Metchinikoff, cientista russo, em suas investigações, concluiu que, as bactérias fermentativas exercem ação inibitória sobre outras bactérias do intestino, contribuindo para a sua desintoxicação que prolonga a vida. A longevidade dos povos dos Balcãs, península à sudeste da Europa, era resultado de uma dieta rica em leites fermentados.

Receita de: Coalhada

Para deixá-la bem cremosa eis o segredo da Rosi Roque.

Resumo de alguns benefícios:



. Reduz o colesterol sangüíneo (efeito anticolesterolênico).
. Modula as diarréias causadas pelos tratamentos com antibióticos, quimioterapias, radioterapias e por situações de stress.
. Alto valor nutritivo.
. Melhora a digestão da lactose.
. Aumenta a conservação do leite.
. Recupera e equilibra a flora intestinal.
. Melhora as funções intestinais.
. Melhora a absorção do cálcio e proteínas do leite.
. Desintoxica o intestino.
. Aumenta a expectativa de vida.
. Inibe a ação de bactérias patogênicas.
. Tem efeitos anticarcinogênico.
fonte http://elizabethprovidasaudavel.blogspot.com.br/

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Combate a dengue !!! Nao custa tentar !!





nao custa tentar !!
Pesquisem, por gentileza. Nesse link há informações importantes:

http://www.combateadengue.com.br/o-inhame-e-a-dengue/

Ainda acreditamos que a melhor forma de combate a dengue é com o respeito pela natureza, limpando seu entorno e mantendo limpo o coração.
Bom dia! ♥
fonte Gotinhas de Otimismo.

Atençao !!!! Focos de dengue são encontrados em pelo menos 60 cidades de SC Foram confirmados três casos em Itapema e 11 em Chapecó, no Oeste. São mais de 20 mil armadilhas espalhadas pelo estado.


A vigilância epidemiológica de Santa Catarina está reforçando as ações de combate à dengue. São mais de 20 mil armadilhas espalhadas pelo estado. Foram confirmados três casos em Itapema, no Litoral Norte e 11 em Chapecó.
Até esta quinta-feira (25) foram encontrados focos do mosquito em pelo menos 60 cidades. Chapecó e São Miguel do Oeste, ambas no Oeste, são as que mais preocupam as autoridades, seguidas por Joinville, no Norte, e Xacim, também no Oeste. Os agentes de combate ao mosquito não param. "Até em uma tampinha de garrafa, se tiver água parada, por ser um criadouro do mosquito", comenta a agente de combate Janice Grings.


No Laboratório Central de Saúde Pública, o Lacen, são analisadas as amostras colhidas de pacientes do estado inteiro. As amostras são analisadas uma a uma. Se o líquido ficar colorido, é por que o resultado é positivo. Só em abril. o Lacen recebeu 330 amostras, quase 20% de Chapecó. "Estamos utilizando os servidores que temos, e solicitamos um aporte maior de kits para o Ministério da Saúde", explica o diretor do laboratório Gilberto Alves.
Segundo representantes da vigilância, os cidadãos também precisam colaborar. "É impossível você ter um agente público dizendo para a população 'retire seu lixo, não deixe água parada'. É cidadania você proteger a sim e a coletividade com uma ação simples, evitar que a água se acumule e o mosquito se prolifere", explica a gerente de Controle de Zoonoses Suzana Zeccer
fonte g1 santa catarina

Faça o teste e descubra se você é viciado em internet !


O teste abaixo foi uma adaptação do "Teste de Dependência de Internet" do Dr. Kimberly Young, feita pelo psicólogo Cristiano Nabuco. Responda às perguntas e confira o resultado no fim da página:

 Perguntas:


1. Você acha que passa mais tempo online do que pretendia?

2. Você abre mão de tarefas cotidianas para passar mais tempo conectado?

3. Outras pessoas se queixam sobre a quantidade de tempo que você passa online?

4. Seu desempenho ou produtividade na escola ou trabalho fica pior por causa da internet?

5. Você se pega pensando em quando você vai estar online novamente?

6. Você teme que a vida sem internet seja chata, vazia e sem graça?

7. Você estoura, grita ou se mostra irritado se alguém te incomoda quando você está conectado?

8. Você dorme pouco por ficar conectado até tarde da noite?

9. Você tenta diminuir a quantidade de tempo que fica online e não consegue?

10. Você se sente deprimido, mau humorado ou nervoso quando está desconectado e tudo melhora quando você volta a se conectar?


Resultados:


0 a 2 respostas positivas:
Você faz um uso racional da internet e isso não te prejudica.

3 ou 4 respostas positivas:
A internet já começa a ocupar um espaço grande em sua vida e isso pode não ser um bom sinal. Fique atento!

5 ou 6 respostas positivas:
Cuidado! Provavelmente você já perdeu o controle do uso e isso está te causando problemas. Considere buscar ajuda de um profissional.

7 ou mais respostas positivas:
Sua vida já sofre com os efeitos do uso excessivo da internet. Procure ajuda imediata de um especialista.

quinta-feira, 25 de abril de 2013

Pipoca: um estouro em antioxidantes e fibras


Pesquisa indica que guloseima tem nível de antioxidantes igual ou maior do que de algumas frutas e verduras, o que pode ajudar a prevenir doenças.

Consumida nos momentos de lazer, como o cinema, nem sempre a pipoca é vista como um alimento saudável, principalmente por causa das grandes quantidades de gordura e sal adicionadas durante o preparo. Mas uma pesquisa divulgada pela American Chemical Society afirma que o milho estourado pode trazer benefícios à saúde.

Isso porque esse alimento pode ter o mesmo nível, ou até mais, de antioxidantes do que algumas frutas e vegetais, como maçã e pera. Segundo cientistas da University of Scranton, nos Estados Unidos, a quantidade de polifenois – um tipo de antioxidante – encontrada em cerca de 20 gramas de pipoca representa, em média, 13% do consumo diário recomendado dessa substância.

Essa alta concentração existe porque, diferentemente de frutas e verduras, ela tem apenas 4% de água em sua composição, diluindo pouco os antioxidantes. Por isso, é apontada como uma aliada na prevenção de doenças cardiovasculares, neurológicas, envelhecimento precoce e até do câncer.

Pesquisas anteriores mostraram que essa comida possui muitas fibras, o que contribui para a saciedade e bom funcionamento do intestino, contém ácido fólico, bom para problemas cardiovasculares e tratar anemias, magnésio e as vitaminas B1 e B2. Além disso, ela é 100% integral e não é processada – ao contrário de muitos alimentos ditos integrais atualmente. O responsável pela pesquisa Joe Vinson chega a afirmar que ela é o “lanche perfeito”.

Mas isso não significa que a pipoca pode substituir outros itens na dieta, pois, apesar de possuir vários nutrientes, ela não consegue suprir todos os outros existentes nos vegetais. Outro ponto que é preciso lembrar é o perigo do excesso de gordura e sal usado no preparo dessa comida, principalmente na de microondas.

O óleo, margarina ou manteiga podem aumentar muito a quantidade de calorias e consequências nocivas ao corpo, enquanto o sal e os temperos especiais podem fazer crescer os níveis de sódio, tirando as vantagens de consumir a pipoca.

Fonte: exameabril/saude

Professores de SC fazem assembleia e ato público em Florianópolis


Assembleia ocorreu na tarde desta quinta (25) (Foto: João Salgado/RBS TV)

Em terceiro dia de greve, magistrado quer adequação do piso nacional.
Secretário de Educação diz que cumpre exigência e paga o piso.


Assembleia ocorreu na tarde desta quinta (25) (Foto: João Salgado/RBS TV)
Professores da rede estadual de Santa Catarina realizam na tarde desta quinta-feira (25) uma assembleia e um ato público em frente ao Centro Administrativo do governo, em Florianópolis. Desde terça (23), a categoria está em greve e reivindica, principalmente, a adequação do piso nacional a toda carreira do magistério. Segundo a coordenadora estadual do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Santa Catarina (Sinte-SC), Alvete Pasinbedin, os professores voltam ao trabalho nesta sexta (26).

Os docentes aderiram a uma mobilização nacional, de greve de terça (23) a esta quinta (25). De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Santa Catarina (Sinte-SC), a categoria também reivindica adequação da jornada de trabalho e 10% do Produto Interno Bruto (PIB) para a educação.
Segundo a Polícia Militar, mais de mil pessoas participaram da manifestação. A coordenadora estadual do Sinte-SC afirmou que, caso o governo não apresente nenhuma proposta, a categoria pode parar este ano. Ainda não há data para uma nova assembleia, mas os docentes esperam que a Secretaria de Estado da Educação negocie ainda neste primeiro semestre.
De acordo com o secretário de Educação, Eduardo Deschamps, o Estado cumpre a exigência nacional e paga o piso de R$ 1.567. Em nota, a Secretaria de Estado da Educação evidenciou que no "Governo Raimundo Colombo, o piso do magistério recebeu 150% de aumento". Além disso, "todos os professores receberam reajustes igual ou superior ao reajuste do piso, iniciando a descompactação da tabela do magistério". Até as 16h, a Secretaria ainda não tinha uma posição oficial em relação à manifestação desta quinta (25).
fonte g1 santa catarina

Frango Thai com peras


frango-thai-com-peras
Ingredientes
500 gramas de filé de frango, cortado em tirinhas
1 colher (chá) de sal
1 pitada de pimenta-do-reino branca
1 colher (sopa) de azeite
2 colheres (chá) de gengibre ralado
1 cebola picada
½ xícara (chá) de talos de salsão picados
3 USA Pears cortadas em tiras
½ xícara (chá) de creme de leite light
1 vidrinho de leite de coco light
2 colheres (sopa) de  salsa picada (ou coentro)
4 colheres (sopa) de amendoim torrado
1 pimenta-dedo-de-moça (opcional)

Modo de Preparo
Tempere o frango com o sal e a pimenta. Aqueça o azeite e grelhe as tiras de frango até que fiquem douradas. Acrescente o gengibre, a cebola, o salsão e as peras e deixe dourar mais um pouco. Regue com o creme de leite e o leite de coco, mexa e retire. Adicione a salsa e o amendoim e sirva. Se gostar de pimenta, corte a pimenta em rodelinhas e adicione ao prato, antes de servir.
fonte Receita elaborada pela nutricionista e culinarista Cinthya Maggi

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Bolo de banana


bolodebanana

Ingredientes:

3 bananas nanicas amassadas
2 ovos
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 colher (sopa) de fermento em pó
2 colheres (sopa) de margarina light
2 xícaras (chá) de STEVITA CULINÁRIA
1 copo de leite desnatado morno
4 colheres (sopa) de nozes picadas
1 pitada de sal

Modo de preparar:

Misture todos os ingredientes e asse em forma de bolo inglês, untada, em forno pré-aquecido.

terça-feira, 23 de abril de 2013

Carne seca na Moranga


Foto: Carne seca na Moranga


Categorias:abóbora,Acompanhamento,alho,azeite,carne seca,Carnes,catupiry,cebola,cebolinha,Receitas,salsinha

Ingredientes

1 abóbora Moranga, média (usamos uma de 2kg)

Papel alumínio

Recheio:

700g de carne seca, sem gordura e dessalgada

1 folha de louro fresca

3 colheres (sopa) de azeite extra virgem

1 xícara (chá) de cebola picada em cubos pequenos

2 dentes de alho, picados em cubos bem pequenos

300g de abóbora seca ou de pescoço, sem casca e cortada em cubos

200g de Catupiry

3 colheres (sopa) de salsinha e cebolinha verde, picadas

Sal e pimenta do reino a gosto

Modo de Preparo

1. Pré-aqueça o forno a 180°C.

2. Lave bem a moranga. Enrole papel alumínio (com o lado brilhante para dentro) em torno da moranga inteira. Com um pedaço grande de papel alumínio, faça uma “almofada” para apoiar a moranga na assadeira para que ela não fique em contato direto com a assadeira.

3. Leve ao forno por aproximadamente 2 horas, ou até que a abóbora esteja macia, sem se desmanchar.

4. Retire o papel alumínio e, com uma faca pequena e bem afiada, corte a tampa da moranga. Com uma colher, retire todas as sementes do interior da moranga (tomando cuidado para não furar o fundo da abóbora). Descarte as sementes. Reserve a moranga e a tampa. Se for servir logo em seguida, deixe-a no forno aquecido para não esfriar.

5. Dessalgue a carne seca.

6. Em uma panela de pressão, coloque a carne e cubra com água. Adicione a folha de louro, tampe a panela e leve ao fogo.

7. Quando a panela pegar pressão (começar a fazer barulho), conte 40 minutos e desligue o fogo.

8. Espere a panela esfriar e a pressão sair totalmente.

9. Desfie a carne com o auxílio de um garfo. Reserve.

10. Em uma panela, refogue metade da cebola com 1 colher (sopa) de azeite. Adicione a abóbora de pescoço em cubos e refogue até ficar levemente dourada. Quando dourar, tampe a panela e deixe cozinhar até que a abóbora fique macia e desmanchando. Se necessário, pingue umas gotinhas de água para não queimar.

11. Em outra panela, refogue o restante da cebola e o alho até dourar levemente. Junte a carne seca e refogue mais um pouco.

12. Adicione a abóbora de pescoço cozida e duas colheres de Catupiry. Misture bem, e por último, junte a salsinha e cebolinha. Cozinhe por mais 3 minutos. Tempere com sal e pimenta. Reserve.

13. Na hora de servir: espalhe o restante do Catupiry dentro da moranga assada. Complete com o recheio de carne seca e sirva imediatamente.

Rendimento: 6 porções

Tempo de preparo: 3 horas + 24 horas para dessalgar a carne seca

Dificuldade: Média
Ingredientes

1 abóbora Moranga, média (usamos uma de 2kg)

Papel alumínio

Recheio:

700g de carne seca, sem gordura e dessalgada

1 folha de louro fresca

3 colheres (sopa) de azeite extra virgem

1 xícara (chá) de cebola picada em cubos pequenos

2 dentes de alho, picados em cubos bem pequenos

300g de abóbora seca ou de pescoço, sem casca e cortada em cubos

200g de Catupiry

3 colheres (sopa) de salsinha e cebolinha verde, picadas

Sal e pimenta do reino a gosto

Modo de Preparo

1. Pré-aqueça o forno a 180°C.

2. Lave bem a moranga. Enrole papel alumínio (com o lado brilhante para dentro) em torno da moranga inteira. Com um pedaço grande de papel alumínio, faça uma “almofada” para apoiar a moranga na assadeira para que ela não fique em contato direto com a assadeira.

3. Leve ao forno por aproximadamente 2 horas, ou até que a abóbora esteja macia, sem se desmanchar.

4. Retire o papel alumínio e, com uma faca pequena e bem afiada, corte a tampa da moranga. Com uma colher, retire todas as sementes do interior da moranga (tomando cuidado para não furar o fundo da abóbora). Descarte as sementes. Reserve a moranga e a tampa. Se for servir logo em seguida, deixe-a no forno aquecido para não esfriar.

5. Dessalgue a carne seca.

6. Em uma panela de pressão, coloque a carne e cubra com água. Adicione a folha de louro, tampe a panela e leve ao fogo.

7. Quando a panela pegar pressão (começar a fazer barulho), conte 40 minutos e desligue o fogo.

8. Espere a panela esfriar e a pressão sair totalmente.

9. Desfie a carne com o auxílio de um garfo. Reserve.

10. Em uma panela, refogue metade da cebola com 1 colher (sopa) de azeite. Adicione a abóbora de pescoço em cubos e refogue até ficar levemente dourada. Quando dourar, tampe a panela e deixe cozinhar até que a abóbora fique macia e desmanchando. Se necessário, pingue umas gotinhas de água para não queimar.

11. Em outra panela, refogue o restante da cebola e o alho até dourar levemente. Junte a carne seca e refogue mais um pouco.

12. Adicione a abóbora de pescoço cozida e duas colheres de Catupiry. Misture bem, e por último, junte a salsinha e cebolinha. Cozinhe por mais 3 minutos. Tempere com sal e pimenta. Reserve.

13. Na hora de servir: espalhe o restante do Catupiry dentro da moranga assada. Complete com o recheio de carne seca e sirva imediatamente.

Rendimento: 6 porções

Tempo de preparo: 3 horas + 24 horas para dessalgar a carne seca

Dificuldade: Média
fonte a casa e sua

Comer mais potássio e menos sal protege o coração Leia!!!


Foto: Comer mais potássio e menos sal protege o coração

Novos estudos concluem que o potássio, encontrado em vegetais frescos, ajuda a reduzir a pressão alta e o risco de AVC. E, para especialistas, redução do consumo de sal deve ser ainda maior do que a proposta pela OMS


Vegetais frescos: Comer mais alimentos como esses - e menos sal - pode ser o segredo para um coração saudável (Thinkstock)

Uma série de estudos publicados nesta quinta-feira no site da revista British Medical Journal (BMJ) reforçou que reduzir o consumo de sódio ajuda a evitar problemas cardíacos — e ainda revelou que ingerir maiores quantidades de potássio, encontrado principalmente em frutas, verduras e legumes frescos, também propicia esse benefício. De acordo com as conclusões de um deles, uma alta ingestão de potássio pode diminuir em até 24% o risco de uma pessoa sofrer um acidente vascular cerebral (AVC).

Uma das pesquisas divulgadas pela revista, que se concentrou em avaliar os efeitos do potássio sobre a saúde, foi feita por especialistas da Organização Mundial da Saúde (OMS) e é uma revisão de 33 trabalhos sobre o assunto. Os resultados do estudo mostraram que consumir de três a quatro gramas de potássio por dia já é o suficiente para reduzir a pressão arterial e pode diminuir o risco de um derrame cerebral.

De acordo com o artigo, o potássio é fundamental para o funcionamento das células. Cada vez mais, as pessoas deixam de consumir o nutriente em quantidades adequadas, já que os alimentos industrializados reduzem os níveis de potássio na comida. Por isso, quanto mais alimentos frescos forem consumidos, maiores níveis do nutriente uma pessoa vai ingerir.  Fontes ricas em potássio incluem alimentos como feijão, ervilhas, couve, espinafre, banana e mamão.

Outra pesquisa publicada pelo BMJ reforçou as recomendações da OMS de que reduzir o consumo diário de sódio é fundamental para proteger a saúde do coração, mas indicou que essa diminuição deva ser ainda maior do que a proposta pelo órgão de saúde.

fonte: veja.abril.com.br
Novos estudos concluem que o potássio, encontrado em vegetais frescos, ajuda a reduzir a pressão alta e o risco de AVC. E, para especialistas, redução do consumo de sal deve ser ainda maior do que a proposta pela OMS


Vegetais frescos: Comer mais alimentos como esses - e menos sal - pode ser o segredo para um coração saudável (Thinkstock)

Uma série de estudos publicados nesta quinta-feira no site da revista British Medical Journal (BMJ) reforçou que reduzir o consumo de sódio ajuda a evitar problemas cardíacos — e ainda revelou que ingerir maiores quantidades de potássio, encontrado principalmente em frutas, verduras e legumes frescos, também propicia esse benefício. De acordo com as conclusões de um deles, uma alta ingestão de potássio pode diminuir em até 24% o risco de uma pessoa sofrer um acidente vascular cerebral (AVC).

Uma das pesquisas divulgadas pela revista, que se concentrou em avaliar os efeitos do potássio sobre a saúde, foi feita por especialistas da Organização Mundial da Saúde (OMS) e é uma revisão de 33 trabalhos sobre o assunto. Os resultados do estudo mostraram que consumir de três a quatro gramas de potássio por dia já é o suficiente para reduzir a pressão arterial e pode diminuir o risco de um derrame cerebral.

De acordo com o artigo, o potássio é fundamental para o funcionamento das células. Cada vez mais, as pessoas deixam de consumir o nutriente em quantidades adequadas, já que os alimentos industrializados reduzem os níveis de potássio na comida. Por isso, quanto mais alimentos frescos forem consumidos, maiores níveis do nutriente uma pessoa vai ingerir. Fontes ricas em potássio incluem alimentos como feijão, ervilhas, couve, espinafre, banana e mamão.

Outra pesquisa publicada pelo BMJ reforçou as recomendações da OMS de que reduzir o consumo diário de sódio é fundamental para proteger a saúde do coração, mas indicou que essa diminuição deva ser ainda maior do que a proposta pelo órgão de saúde.

fonte: veja.abril.com.br

segunda-feira, 22 de abril de 2013

Pamplona de Pollo


panplona-de-pollo
Ingredientes:

¼ frango
sal
pimenta
2 azeitonas
40grs presunto
40grs queijo
2 tiras de bacon
1 pedaço de pimentão assado.

Modo de preparo:
Desossar o frango, abrir o peito e a coxa, colocar o presunto, queijo, bacon, pimentão e azeitona dentro e envolvê-los. A pele do frango deve cobrir toda a carne para não ficar ressecada quando for assada. Amarrar para não desmontar durante o preparo na Parrilla ou no forno.
fonte Receita do Chef Gabriel Mangini do Restaurante Gonzalo

Pão surpresa !!!!!!


Foto: Pão surpresa

ingredientes:

recheio que desejar… cogumelos, ou algo que deseje como bacon, fiambre, delicias do mar…
1 colher de sopa de manteiga 
1 colher de sopa de tomilho fresco picado

Para o Pão 
1 pão 
12 queijo em fatias finas 
1/2 xícara de manteiga, derretida 
1/2 xícara de cebola finamente picado verde 
2 colheres de chá de sementes de papoula

como chegar:
Para o recheio 
Aqueça uma frigideira média. Adicione a manteiga. Uma vez que a manteiga a derreter. Coloque os cogumelos( ou algo que deseje como bacon, fiambre, delicias do mar)e Cozinhe 4-5 minutos até que eles começam a suar. Adicione o tomilho e continue a cozinhar mais 2-3 minutos.

Para o Pão 
Pré-aqueça o forno a 350 graus.

Corte o pão longitudinalmente e transversalmente sem cortar através da crosta inferior.

Pão Coloque em uma assadeira com revestimento em alumínio.

Insira fatias de queijo entre cortes. Despeje o recheio entre os cortes. Use os dedos para empurrar o recheio para dentro do pão. 
Misture a manteiga, cebola e sementes de papoula. Regue com pão. Embrulhe em papel alumínio, coloque em uma assadeira.

Asse em forno a 350 graus por 15 minutos.

Desembrulhe o pão e assar mais 10 minutos, ou até que o queijo esteja derretido.

ingredientes:

recheio que desejar… cogumelos, ou algo que deseje como bacon, fiambre, delicias do mar…
1 colher de sopa de manteiga 
1 colher de sopa de tomilho fresco picado

Para o Pão
1 pão
12 queijo em fatias finas
1/2 xícara de manteiga, derretida
1/2 xícara de cebola finamente picado verde
2 colheres de chá de sementes de papoula

como chegar:
Para o recheio
Aqueça uma frigideira média. Adicione a manteiga. Uma vez que a manteiga a derreter. Coloque os cogumelos( ou algo que deseje como bacon, fiambre, delicias do mar)e Cozinhe 4-5 minutos até que eles começam a suar. Adicione o tomilho e continue a cozinhar mais 2-3 minutos.

Para o Pão
Pré-aqueça o forno a 350 graus.

Corte o pão longitudinalmente e transversalmente sem cortar através da crosta inferior.

Pão Coloque em uma assadeira com revestimento em alumínio.

Insira fatias de queijo entre cortes. Despeje o recheio entre os cortes. Use os dedos para empurrar o recheio para dentro do pão.
Misture a manteiga, cebola e sementes de papoula. Regue com pão. Embrulhe em papel alumínio, coloque em uma assadeira.

Asse em forno a 350 graus por 15 minutos.

Desembrulhe o pão e assar mais 10 minutos, ou até que o queijo esteja derretido.

sábado, 20 de abril de 2013

Os Benefícios da Manga


A mangueira (Mangifera indica L.), membro da família Anacardiaceae, família bem conhecida por causar irritação cutânea produzida por alguns dos seus membros, produz um fruto muito apreciado e cultivado em várias regiões tropicais e subtropicais distribuídas no mundo.

Este fruto, conhecido como manga, característico pelo sabor e suculência, é muito consumido in natura como também explorado na culinária para o preparo de mousses, geléias, sucos, gelatinas, entre outros.

Originária da índia, as árvores de manga podem atingir entre 35 e 40 metros de altura. Suas folhas perenes estão alternadamente dispostas e atingem entre 15 e 35 cm de comprimento. À medida que a folha cresce, ela muda de cor passando por diferentes tons. Quando maduras, sua superfície superior é brilhante e verde escuro, enquanto a inferior é verde claro.

Quando esmagadas, as folhas têm fibras e crepitação, e exalam um forte cheiro de terebina. As flores são pequenas, com cinco pétalas, em inflorescências paniculadas nas extremidades dos ramos. Exalam um doce odor suave como os lírios.

A manga varia consideravelmente em tamanho, forma, cor, presença de fibras, aroma, sabor, entre outros. O formato do fruto varia de arredondado a oval-oblongo ou alongado, com comprimento entre 6,25 e 25 cm em variedades diferentes. São encontradas nas cores amarelo, laranja e vermelha.

Quando a fruta ainda não está madura, sua cor é verde. Sua polpa é extremamente suculenta, com uma gama de sabor muito doce. Em seu interior encontra-se uma única semente grande localizada no centro, que contém o embrião da planta. A manga amadurece em 100 a 150 dias após a floração.

Fruta rica em uma variedade de fitoquímicos e nutrientes, a polpa da manga é rica em prebióticos, fibras alimentares, vitamina C, polifenóis, carotenóides e provitamina A. Além disto, a fruta tem muitas propriedades benéficas para saúde, tais como: ajuda a purificar o sangue, diurético, combate a bronquite, tem efeito expectorante e combate a acidez estomacal.

As mangueiras crescem em solo que esteja bem drenado e úmido. Preferem um ph que esteja entre 5,5 e 7,5, pois são pouco tolerantes a alcalinidade.

No Brasil, a manga é cultivada em todas as regiões, com destaque para o Sudeste e para o Nordeste. No Nordeste, a manga é cultivada em todos os estados, em particular nas áreas irrigadas da região semi-árida, que apresentam excelentes condições para o desenvolvimento da cultura e obtenção de elevada produtividade e qualidade de frutos.

Em 2007 o Brasil representava o 7º lugar no ranking de maiores produtores de manga do mundo, cuja Índia representava o 1º lugar.

Estudos comprovam que o consumo de manga é benéfico para a saúde, uma vez que, a fruta, ajuda no crescimento e manutenção da pele, no combate ao estresse, e aos problemas cardíacos e cãibras. Além disso, ajuda no crescimento de ossos e dentes, na regularidade da função intestinal e na melhora da função visual.

Com relação ao aspecto nutricional, a fruta possui vários nutrientes, tais como, carboidrato, proteína, lipídeo, fibra, cálcio, magnésio, fósforo, potássio, sódio, vitamina C, A e E. Com relação ao valor calórico, 100 gramas de polpa da fruta, fornecem aproximadamente 65 calorias.


Fonte: elizabethprovidasaudavel

Nhoque de abóbora com molho cremoso de abobrinha


Foto: Nhoque de abóbora com molho cremoso de abobrinha
Ingredientes
nhoque
500g de abóbora (do tipo paulista ou japonesa, a Cabotchan ou Cabotiá)
1 e 1/4 xícara (chá) de farinha de trigo – ou um pouco mais se precisar
1/2 xícara de amido de milho
sal
1 ovo
1 colher (sobremesa) de manteiga amolecida
3 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado
molho
2 abobrinhas italianas pequenas
1/2 cebola branca picada
azeite extra virgem
sal
Modo de Preparo
nhoque
Cozinhe a abóbora em água com sal. Escorra bem e processe até virar um purê. Se estiver usando a abóbora paulista, deixe escorrendo esse purê em uma peneira até drenar bastante da água. Junte os outros ingredientes e misture bem.
Nota importante: a abóbora japonesa é mais seca que a paulista, portanto, vá colocando a farinha de trigo aos poucos. Para saber se o ponto da massa está bom, deixe uma panela fervendo com água e coloque um pouco da massa e deixe cozinhar até o nhoque subir para a superfície. Prove e veja se é necessário colocar mais farinha.
Se a massa estiver no ponto firme porém macio, faça o cozimento do restante colocando, com o auxílio de 2 colheres, pequenas porções para cozinhar (essa massa, por ser mais úmida, não dá para enrolar). Como citei acima, retire-os com uma escumadeira quando esses subirem à superfície e deixe-os escorrendo em um escorredor. Coloque-os em uma travessa refratária. Faça isso até terminar de cozinhar toda a massa.
molho
Refogue a cebola no azeite, junte a abobrinha (com casca) picada, corrija o sal, coloque um pouquinho de água e deixe cozinhar até amolecer. Bata essa abobrinha no liquidificador ou processador até virar um creme.
Despeje sobre o nhoque cozido, salpique queijo parmesão ralado e leve ao fôrno preaquecido para gratinar. Se gostar, salpique salsa picadinha antes de servir.
Ingredientes
nhoque
500g de abóbora (do tipo paulista ou japonesa, a Cabotchan ou Cabotiá)
1 e 1/4 xícara (chá) de farinha de trigo – ou um pouco mais se precisar
1/2 xícara de amido de milho
sal
1 ovo
1 colher (sobremesa) de manteiga amolecida
3 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado
molho
2 abobrinhas italianas pequenas
1/2 cebola branca picada
azeite extra virgem
sal
Modo de Preparo
nhoque
Cozinhe a abóbora em água com sal. Escorra bem e processe até virar um purê. Se estiver usando a abóbora paulista, deixe escorrendo esse purê em uma peneira até drenar bastante da água. Junte os outros ingredientes e misture bem.
Nota importante: a abóbora japonesa é mais seca que a paulista, portanto, vá colocando a farinha de trigo aos poucos. Para saber se o ponto da massa está bom, deixe uma panela fervendo com água e coloque um pouco da massa e deixe cozinhar até o nhoque subir para a superfície. Prove e veja se é necessário colocar mais farinha.
Se a massa estiver no ponto firme porém macio, faça o cozimento do restante colocando, com o auxílio de 2 colheres, pequenas porções para cozinhar (essa massa, por ser mais úmida, não dá para enrolar). Como citei acima, retire-os com uma escumadeira quando esses subirem à superfície e deixe-os escorrendo em um escorredor. Coloque-os em uma travessa refratária. Faça isso até terminar de cozinhar toda a massa.
molho
Refogue a cebola no azeite, junte a abobrinha (com casca) picada, corrija o sal, coloque um pouquinho de água e deixe cozinhar até amolecer. Bata essa abobrinha no liquidificador ou processador até virar um creme.
Despeje sobre o nhoque cozido, salpique queijo parmesão ralado e leve ao fôrno preaquecido para gratinar. Se gostar, salpique salsa picadinha antes de servir.

sexta-feira, 19 de abril de 2013

História do Dia do Índio 19 de Abril


História do Dia do Índio
Comemoramos todos os anos, no dia 19 de Abril, o Dia do Índio. Esta data comemorativa foi criada em 1943 pelo presidente Getúlio Vargas, através do decreto lei número 5.540. Mas porque foi escolhido o 19 de abril?Origem da data Para entendermos a data, devemos voltar para 1940. Neste ano, foi realizado no México, o Primeiro Congresso Indigenista Interamericano. Além de contar com a participação de diversas autoridades governamentais dos países da América, vários líderes indígenas deste contimente foram convidados para participarem das reuniões e decisões. Porém, os índios não compareceram nos primeiros dias do evento, pois estavam preocupados e temerosos. Este comportamento era compreensível, pois os índios há séculos estavam sendo perseguidos, agredidos e dizimados pelos “homens brancos”.No entanto, após algumas reuniões e reflexões, diversos líderes indígenas resolveram participar, após entenderem a importância daquele momento histórico. Esta participação ocorreu no dia 19 de abril, que depois foi escolhido, no continente americano, como o Dia do Índio.Comemorações e importância da data

Neste dia do ano ocorrem vários eventos dedicados à valorização da cultura indígena. Nas escolas, os alunos costumam fazer pesquisas sobre a cultura indígena, os museus fazem exposições e os minicípios organizam festas comemorativas. Deve ser também um dia de reflexão sobre a importância da preservação dos povos indígenas, da manutenção de suas terras e respeito às suas manifestações culturais. Devemos lembrar também, que os índios já habitavam nosso país quando os portugueses aqui chegaram em 1500. Desde esta data, o que vimos foi o desrespeito e a diminuição das populações indígenas. Este processo ainda ocorre, pois com a mineração e a exploração dos recursos naturais, muitos povos indígenas estão perdendo suas terras.
Marcadores: Depoimentos

Torta de banana com creme e raspas de chocolate


Ingredientes:
4 colheres (sopa) de açúcar
4 bananas
100ml de leite
1 massa de torta pronta
300 ml de creme de leite
1 colher (sopa) calda de café
1 colher (chá) de pasta de baunilha
1 barra de chocolate preto

Anote todas as receitas do Jamie Oliver

Modo de preparo:
Em uma frigideira com fogo alto, despeje o açúcar. Deixe formar um caramelo.

Ponha duas bananas e o leite no liquidificador e bata. Despeje a mistura no açúcar derretido. Mexa com uma colher e deixe no fogo até o caramelo derreter. Desligue o fogo e despeje com cuidado no interior da massa. Espalhe por todo o interior. Reserve e deixe esfriar.

Corte as outras duas bananas na diagonal, em fatias finas, e espalhe-as sobre o recheio.

Em uma tigela, despeje o creme de leite e bata-o com um fuet. Acrescente a calda de café. Misture cuidadosamente com uma colhere para criar um efeito mármore. Ponha a pasta de baunilha (se tiver) pos cima do creme, espalhando-a. Raspe a barra de chocolate e distribua as raspas por cima da torta.
FONTE GNT

Tigerfish, uma das criaturas mais assustadoras do mundo


Provavelmente várias pessoas conhecem o famoso “pescador apresentador” do Animal Planet’s "River Monsters”, Jeremy Wade. Enquanto ele estava em uma expedição de pesca com sua equipe no rio Congo, na África, o pescador britânico fez uma surpreendente e rara descoberta, ele se deparou com um gigantesco tigerfish (Peixe Tigre) e conseguiu derrotar o monstro depois de uma grande luta.

O resultado foi surpreendente de como o pescador de 52 anos de idade, saiu da água com um tigerfish de 05 pés (1,52metros) e segurou-a com ambos os braços por medo de ser mordido por seus 32 dentes afiados que têm as mesmas dimensões que os de um tubarão branco.

O tigerfish é conhecido como sendo um dos peixes de água doce mais perigosos do mundo, assim Wade disse que ele estava sendo extremamente cauteloso quando ele puxou para fora da água.

O monstro com um peso aproximado de 100 libras (45,36 Kg) ainda não tinha sido capturado anteriormente por causa de sua ferocidade e do seu habitat, que é muito difícil de alcançar.

A “piranha gigante” parece consumir presas do tamanho de si mesmo e já houve casos em que foi relatado que ela cortou ao meio, crocodilos ou mesmo pessoas.Para Jeremy Wade, a "piranha gigante", pode facilmente estar no topo quando falamos de criaturas mais assustadoras do mundo.




Fonte: Domescobar

quinta-feira, 18 de abril de 2013

Calzone de Banana !!


Foto: Calzone de Banana
Rendimento: 4
Dificuldade: Médio
Categoria: Massa
Calorias: 680
Ingredientes

Massa
· 500 g de farinha de trigo
· 1/2 colher (sopa) de fermento biológico seco
· 1 colher (chá) de sal
· 1 colher (café) de açúcar
· 1/4 de xícara (chá) de óleo
· 250 ml de água
· 1 ovo

Recheio
· 2 bananas-nanicas maduras
· 3 colheres (sopa) de açúcar
· 2 colheres (sopa) de canela em pó

Para pincelar
· 1 ovo batido

Modo de preparo

Aqueça o forno a 180ºC. Em um recipiente, misture a farinha de trigo, o fermento, o sal, o açúcar, o óleo, a água e o ovo. Amasse sem sovar. Cubra e deixe descansar por 30 minutos. Em uma superfície enfarinhada, divida a massa em quatro partes, abra com um rolo formando círculos. Sobre cada círculo ponha meia banana descascada e cortada em rodelas.

Salpique com açúcar misturado com canela. Dobre a massa como pastel, feche bem as bordas, pincele com o ovo batido e leve ao forno por aproximadamente 20 minutos ou até dourar.

Dica: Varie o recheio usando maçã fatiada ou pêra.
Massa
· 500 g de farinha de trigo
· 1/2 colher (sopa) de fermento biológico seco
· 1 colher (chá) de sal
· 1 colher (café) de açúcar
· 1/4 de xícara (chá) de óleo
· 250 ml de água
· 1 ovo

Recheio
· 2 bananas-nanicas maduras
· 3 colheres (sopa) de açúcar
· 2 colheres (sopa) de canela em pó

Para pincelar
· 1 ovo batido

Modo de preparo

Aqueça o forno a 180ºC. Em um recipiente, misture a farinha de trigo, o fermento, o sal, o açúcar, o óleo, a água e o ovo. Amasse sem sovar. Cubra e deixe descansar por 30 minutos. Em uma superfície enfarinhada, divida a massa em quatro partes, abra com um rolo formando círculos. Sobre cada círculo ponha meia banana descascada e cortada em rodelas.

Salpique com açúcar misturado com canela. Dobre a massa como pastel, feche bem as bordas, pincele com o ovo batido e leve ao forno por aproximadamente 20 minutos ou até dourar.

Dica: Varie o recheio usando maçã fatiada ou pêra.

Estudo sugere que comer peixe é receita de longevidade



As pessoas com mais de 65 anos que comem peixe podem viver, em média, dois anos a mais do que pessoas que não consomem os ácidos-graxos ômega-3 encontrados principalmente nos frutos do mar, sugeriu uma pesquisa.

Segundo a pesquisa, pessoas com níveis mais altos de ácidos-graxos ômega-3 também tiveram um risco geral de morrer 27% menor e um risco de morrer de ataque cardíaco 35% inferior ao de indivíduos com as mesmas características, mas níveis sanguíneos da substância inferiores.

O estudo, liderado por cientistas da Escola de Saúde Pública de Harvard, foi publicado nos Anais de Medicina Interna.

Enquanto outros estudos demonstraram um vínculo entre ácidos-graxos ômega-3 e um risco menor de desenvolver doenças cardíacas, esta pesquisa examinou registros de pessoas mais velhas para determinar qualquer vínculo entre o consumo de carne de peixe e o risco de morrer.

Os cientistas analisaram dados de 16 anos de cerca de 2.700 adultos americanos com 65 anos ou mais. Aqueles considerados no estudo não ingeriam suplementos de óleo de peixe de forma a evitar a confusão sobre o uso de suplementos e diferenças na dieta.

As pessoas com níveis sanguíneos maiores de ácidos-graxos ômega-3, encontrados sobretudo em peixes como salmão, atum, halibute, sardinha, arenque e cavala, tiveram os menores riscos de morrer de qualquer causa e viveram, em média, 2,2 anos a mais do que aquelas com níveis baixos das substâncias.

Os cientistas identificaram o ácido docosahexaenoico (DHA) como o mais fortemente vinculado a um risco inferior de doença cardíaca coronariana.

O ácido eicosapentaenoico (EPA) foi fortemente relacionado a um risco menor de ataque cardíaco não fatal, enquanto o ácido docosapentaenoico (DPA) foi mais fortemente associado a um risco menor de morrer de acidente vascular cerebral.

As descobertas persistiram quando os pesquisadores fizeram ajustes demográficos, de estilo de vida e dietéticos.

"Nossas descobertas sustentam a importância de níveis sanguíneos adequados de ômega-3 para a saúde cardiovascular e sugerem que mais tarde na vida estes benefícios podem na verdade prolongar os anos restantes", afirmou o principal autor do estudo, Dariush Mozaffarian, professor associado do Departamento de Epidemiologia da Escola de Saúde Pública de Harvard.

"A melhor relação custo-benefício é passar de nenhuma ingestão à ingestão moderada, ou cerca de duas porções de peixes ricos em ácidos-graxos por semana", disse Mozaffarian.


Fonte: Saúde Terra

quarta-feira, 17 de abril de 2013

Radares de Florianópolis devem voltar a funcionar dia 29 de junho Segundo diretor do Ipuf, este é o prazo máximo para início da fiscalização. Desde maio de 2011 as vias locais da cidade estão sem fiscalização.


A fiscalização dos radares deve começar  no dia 29 de junho deste ano em Florianópolis, segundo o Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (Ipuf). Os radares vão fiscalizar o avanço de sinal, parada na faixa de pedestres e excesso de velocidade.
Segundo o diretor de trânsito do Ipuf, Adriano Melo, a data de 29 de junho é o prazo máximo para o funcionamento, conforme previsto na licitação. "O projeto de instalação está na segunda etapa. A partir de 29 de abril inicia a segunda etapa. Os radares devem começar a funcionar no dia 29 de junho", explicou ele.
Quando os radares começaram a ser reinstalados, a Prefeitura pretendia que alguns começassem a funcionar imediatamente, o que não ocorreu. Conforme o. Ipuf, antes das infrações começarem a ser contabilizadas, todos os aparelhos têm que ser avaliados pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia, o Inmetro.
Desde maio de 2011, as vias locais de Florianópolis estão sem fiscalização eletrônica. "Temos que exigir que os valores arrecadados sejam destinados para que aumentemos e melhoremos o sistema de proteção no trânsito", afirmou o conselheiro do Movimento Nacional de Educação no Trânsito, Ilmo Rosa.
 fonte g1 santa catarina

Novo vírus é mais mortal do que a SARS e já matou 11 pessoas! leia!


O novo vírus, classificado como um coronavírus, da mesma linhagem responsável pela gripe comum.

Ele provoca sintomas parecidos com o SARS (Síndrome Respiratória Aguda Severa) e é ainda mais mortífero. O novo vírus foi detectado pela primeira vez na Arábia Saudita em setembro de 2012, e recentemente a Organização Mundial de Saúde divulgou a morte de um segundo britânico, confirmando 11 mortes pela doença em todo o mundo. Relatos indicam que o britânico havia viajado para a Arábia Saudita e o Paquistão.

Segundo o estudo dos pesquisadores da Universidade de Hong Kong, o novo vírus é mais letal que a SARS, porque ataca diversos órgãos do corpo, matando células de forma extremamente rápida. De acordo com os médicos, os sintomas aparecem no corpo dentro de 48 horas após a infecção, incluindo dificuldades respiratórias, febre, tosse e pneumonia. Os rins podem ser prejudicados também, informaram os especialistas em saúde.

O vírus da SARS foi devastador no período de 2002 e 2003, se espalhou por mais de 30 países e provocou cerca de 800 mortes. A contaminação acontecia por meio da ingestão ou aspiração de gotículas de saliva ou secreção nasal direta ou indiretamente de uma pessoa contaminada.

Para o microbiologista Yuen Kwok-Yung, o novo vírus poderia causar uma pandemia mortal. "Pode ser mais virulento do que a SARS”, disse ele. “O vírus da SARS infecta poucas linhas de células humanas. Mas este novo vírus pode infectar muitos tipos de linhas de células humanas, e matar as células rapidamente”.



A origem exata de como o vírus se espalha ou de onde vêm são incertas. Pesquisadores europeus defenderam que o vírus pode estar bastante relacionado com os morcegos. Para os especialistas, se confirmada à forma de contágio pelos animais, a ameaça é bem menor, o mais perigoso seria o contágio de humanos para humanos. Já os pesquisadores de Hong Kong sinalizaram a possibilidade de que diferentes animais podem ter sido portadores do vírus antes de afetar os humanos, incluindo os macacos, porcos, gatos e até mesmo os coelhos.

A OMS disse em um comunicado que estava encorajando os governos a prestar atenção para todas as infecções graves respiratórias e especialmente para os padrões incomuns que possam tomar.

A agência da ONU aconselhou aos países que não façam nenhum tipo de restrição de viagem ou comércio, como o utilizado durante a epidemia de SARS.
fonte jornal da ciencia

Torta de brigadeiro com maracujá ! Combinação perfeita entre duas delícias irresistíveis!


Ingredientes da Massa
1 pacote de biscoito ao leite triturado
100 g de margarina
2 colheres (sopa) de água

Ingredientes do Recheio
2 latas de leite condensado
6 colheres (sopa) de chocolate em pó
2 colheres (sopa) de margarina
1 lata de creme de leite sem soro

Ingredientes da Cobertura
1 lata de leite condensado
1 xícara (chá) de suco de maracujá concentrado
1 colher (sopa) de margarina
1 lata de creme de leite

Ingredientes da Calda
Polpa de um maracujá
2 colheres (sopa) de açúcar

Modo de Preparo da Massa
Em um recipiente, misture bem o biscoito com a margarina e a água até formar uma farofa úmida. Distribua a massa no fundo e nas laterais de uma forma de 24 cm de diâmetro com fundo removível. Leve ao forno preaquecido a 220ºC durante 15 minutos. Reserve.

Modo de Preparo do Recheio
Em uma panela, coloque o leite condensado, o chocolate em pó e a margarina. Leve ao fogo brando, mexendo sempre até soltar do fundo da panela. Desligue o fogo e misture o creme de leite. Deixe esfriar e coloque sobre a massa. Leve à geladeira.

Modo de Preparo da Cobertura
Em uma panela, coloque o leite condensado, o suco de maracujá e a margarina. Leve ao fogo mexendo sempre até soltar do fundo da panela. Desligue o fogo e misture o creme de leite. Deixe esfriar e cubra a torta.

Modo de Preparo da Calda
Em uma panela, coloque a polpa de maracujá e o açúcar. Deixe cozinhar até formar uma calda. Deixe esfriar, espalhe sobre a torta e leve à geladeira por no mínimo 6 horas.

Dica: Para retirar melhor o soro do creme de leite, deixe a lata de cabeça para baixo durante 20 minutos no freezer.

Por: M de Mulher

Cestinhas com salpicão


Foto: Cestinhas com salpicão

Ingredientes

.500 g de massa de pastel
.1 xícara (chá) de peito de frango desfiado
.2 cenouras cozidas e cortadas em cubinhos
.1 xícara (chá) de salsão cortado em cubinhos
.1 pimentão vermelho cortado em cubinhos
.1 pimentão verde cortado em cubinhos
.1/2 xícara (chá) de azeitona verde picada
.1/4 de xícara (chá) de uva passa
.1 maçã verde cortada em cubinhos
.sal a gosto
.2 colheres (sopa) de salsa picada
.1 xícara (chá) de maionese

Modo de preparo

Corte a massa de pastel em quadrados de 10 cm x 10 cm. Molde os quadrados de massa em forminhas de empadinha. Coloque-as em uma assadeira e leve para assar em forno preaquecido a 200ºC até dourar. Desenforme e reserve. Em uma tigela, misture o peito de frango, a cenoura, o salsão, os pimentões coloridos, a azeitona verde, a uva passa e a maçã. Tempere com sal e a salsa. Envolva a maionese e recheie as cestinhas de massa de pastel. Sirva com salada de folhas verdes.

Dica:
Você pode acrescentar ao salpicão uva Itália cortada em quarto e sem sementes

Preparo: Rápido (até 30 minutos)
Rendimento: 40 porções
Ingredientes

.500 g de massa de pastel
.1 xícara (chá) de peito de frango desfiado
.2 cenouras cozidas e cortadas em cubinhos
.1 xícara (chá) de salsão cortado em cubinhos
.1 pimentão vermelho cortado em cubinhos
.1 pimentão verde cortado em cubinhos
.1/2 xícara (chá) de azeitona verde picada
.1/4 de xícara (chá) de uva passa
.1 maçã verde cortada em cubinhos
.sal a gosto
.2 colheres (sopa) de salsa picada
.1 xícara (chá) de maionese

Modo de preparo

Corte a massa de pastel em quadrados de 10 cm x 10 cm. Molde os quadrados de massa em forminhas de empadinha. Coloque-as em uma assadeira e leve para assar em forno preaquecido a 200ºC até dourar. Desenforme e reserve. Em uma tigela, misture o peito de frango, a cenoura, o salsão, os pimentões coloridos, a azeitona verde, a uva passa e a maçã. Tempere com sal e a salsa. Envolva a maionese e recheie as cestinhas de massa de pastel. Sirva com salada de folhas verdes.

Dica:
Você pode acrescentar ao salpicão uva Itália cortada em quarto e sem sementes

Preparo: Rápido (até 30 minutos)
Rendimento: 40 porções

terça-feira, 16 de abril de 2013

Tiramisú (sobremesa Italiana)




O mascarpone é um queijo muito cremoso, italiano, originário da região da Lombardia, e é conseguido através de uma mistura de leite de vaca (alimentadas com uma ração especial de ervas e flores) e uma solução de ácido tartárico.

História
Tiramisu (italiano: Tiramisù / Veneto: Tiramesù
A tradução do italiano é "levantador"

Também conhecido como "Trifle Tuscan" (Torta Toscana) e "Zuppa Inglese" (sopa inglesa), o tiramisu tradicional se assemelha a uma pudim que geralmente é composto de biscoitos molhados em licor (vinho marsala) e de camadas de chocolate picado e massa doce (biscoito champanhe).

Há muita história e lenda sobre a origem do Tiramisu. Mas não há nenhum documento que mencione o Tiramisu antes de 1983.
Uma das histórias, conta que uma sobremesa semelhante ao Tiramisú teria sido criada no século XVII, em Siena, cidade da província Italiana de Toscana.
A ocasião era de uma visita do Grão-Duque Cosimo de Medici III, para quem essa guloseima foi criada e apelidada de "zuppa del duca" (sopa do duque).
Cosimo trouxe a receita consigo de volta a Florença.
A popularidade da "Sopa del Duque" aumentou mais ainda por toda a corte italiana , quando atribuíram à sobremesa propriedades, excitantes e afrodisíacas.
Passados alguns anos, correu a lenda que em determinadas proporções aumentariam o desempenho sexual, antes de um encontro amoroso.
Por isso a sobremesa mudou de "Sopa del Duque" para "Tiramisú". O nome "surge em primeira-mão em separado, "te tira su" tradução ao pé da letra " te levanta" ou "põe te para cima".
Este mito, poderia ter alguma verdade, em relação às suas capacidades afrodisíacas.
O seu valor energético, associado à cafeína e cacau poderia realmente "levantar" o Gran Duque...

Ingredientes:

3 gemas peneiradas
150 g de açúcar
700 g de queijo cream cheese
3 claras batidas em ponto de neve
300 ml de café forte sem açúcar
1/3 xícara (chá) de rum
50 biscoitos tipo champagne
cacau em pó para polvilhar

Modo de Fazer:

Numa batedeira, bata as gemas com o açúcar até obter um creme
esbranquiçado. Acrescente o queijo cream cheese e bata.
Desligue
a batedeira e, com o auxílio de um pão-duro, incorpore levemente
(no creme) as claras em neve. Reserve.
Num recipiente raso, misture o café com o rum.
Molhe os biscoitos tipo champagne, um por um, nesta mistura.

Montagem:

Numa fôrma retangular (22cm X 35 cm) faça uma camada com os
biscoitos embebidos no café. Cubra com uma camada do creme de
queijo. Faça novamente outra camada de biscoitos e finalize com
uma camada do creme.

Leve para gelar por 4 horas.
Nota: Na hora de servir, polvilhe cacau em pó. E folhas de hortelã.

Arte corporal em 3D !



São tatuagens que duram um certo período, mas parecem realmente ter profundidade e realismo. Para artista plástica japonesa que faz pinturas incríveis, Hikaru Cho, o corpo é como se fosse uma tela pronta para ser colorida.








 Então ela se aproveita disso e cria suas belas imagens que funcionam como se fossem uma ilusão de ótica.O melhor é que, para se livrar delas, não é necessário passar por nenhum procedimento supercaro. Basta um pouco de água e sabão.


Fonte: atoananet

segunda-feira, 15 de abril de 2013

GELATINA DE FRUTAS


Foto: GELATINA DE FRUTAS 

Ingredientes:
Frutas à gosto (eu usei morangos, uva sem sementes, manga e banana)
2 caixas de gelatina de abacaxi diet
100 ml de vinho branco

Modo de fazer:
Prepare a gelatina com 20% a menos de água. Por exemplo, se a receita pede por 500 ml no total, considere 400 ml/receita. Sendo 2 pacotes, o total seria de 800 ml. Na parte do praparo da gelatina que colocamos a água fria eu usei 300 ml de água e 100 ml de vinho branco.

Umedeça uma fôrma de furo -diâmetro 25 cms- com água. Disponha cerca de 1 cm de altura de gelatina líquida e espalhe as frutas a gosto. Leve com cuidado à geladeira por cerca de 30 minutos ou até firmar.
Retire da geladeira e despeje metade da gelatína líquida remanescente. Espalhe mais frutas e volte a geladeira por mais 30 minutos.
Repita este processo mais uma vez e deixe na geladeira por cerca de 4 horas.
Para desenformar: coloque água morna em uma bacia e deite a fôrma de gelatina (com o cuidado de não deixar entrar água) por alguns segundos, para que as suas laterais se soltem da fôrma. Verta em um prato e mantenha em geladeira

Ingredientes:
Frutas à gosto (eu usei morangos, uva sem sementes, manga e banana)
2 caixas de gelatina de abacaxi diet
100 ml de vinho branco

Modo de fazer:
Prepare a gelatina com 20% a menos de água. Por exemplo, se a receita pede por 500 ml no total, considere 400 ml/receita. Sendo 2 pacotes, o total seria de 800 ml. Na parte do praparo da gelatina que colocamos a água fria eu usei 300 ml de água e 100 ml de vinho branco.

Umedeça uma fôrma de furo -diâmetro 25 cms- com água. Disponha cerca de 1 cm de altura de gelatina líquida e espalhe as frutas a gosto. Leve com cuidado à geladeira por cerca de 30 minutos ou até firmar.
Retire da geladeira e despeje metade da gelatína líquida remanescente. Espalhe mais frutas e volte a geladeira por mais 30 minutos.
Repita este processo mais uma vez e deixe na geladeira por cerca de 4 horas.
Para desenformar: coloque água morna em uma bacia e deite a fôrma de gelatina (com o cuidado de não deixar entrar água) por alguns segundos, para que as suas laterais se soltem da fôrma. Verta em um prato e mantenha em geladeira

A primeira tinta spray comestível do mundo ! veja!


Eu nunca teria imaginado que os seres humanos um dia comeriam tinta spray e aqui estamos... A Esslack é a primeira tinta spray comestível do mundo e de acordo com o fabricante alemão, é uma ótima maneira de adicionar um pouco de cor estranha a seu alimento do dia a dia. Que tal um  morango azul?

A empresa  alemã responsável pelo produto, The Deli Garage Food Cooperative, diz que suas tintas spray comestíveis a base de etanol são insípidas e inodoras, e podem ser aplicadas em qualquer tipo de alimentos para torná-los diferenciados ao menos em quatro cores diferentes: ouro, prata, azul e vermelho, que devem ser aplicadas em camadas, a fim de alcançar o efeito perfeito.




- "Eu adoro quando não apenas os nossos carros têm um acabamento metálico, mas também nossos tomates", diz Kaya-Line Knust, gerente de projetos da empresa.



- "É ótimo ver um belo bife no prato banhado a ouro!" Sim, quem é que precisa de todas essas cores com aparência saudável quando é possível comer ouro, certo?



Eu provavelmente nunca usaria algo como isto, mas Esslack parece ser uma novidade muito popular: a Deli Garage confirma que sua tinta spray comestível é sua líder de vendas.



Eu provavelmente nunca usaria algo como isto, mas Esslack parece ser uma novidade muito popular: a Deli Garage confirma que sua tinta spray comestível é sua líder de vendas.

Bem se você sempre quis comer morangos azuis ou maçãs prateadas como os heróis de suas histórias de fantasia favoritos, a Esslack está disponível on-line por 24,80 euros (64 reais).


Fonte: mdig

domingo, 14 de abril de 2013

Creme de ervilha no pão italiano


Foto: Creme de ervilha no pão italiano

Ingredientes
1 litro de água
1 cubo de caldo de carne
300 g de ervilha seca
1 cebola ralada
1 colher (sopa) de margarina light
Carne refogada picadinha , moída já pronta ou linguiça.
Sal a gosto
Pimenta a gosto

Modo de preparo
Em uma panela de pressão, coloque o caldo de carne já dissolvido na água e a ervilha.
Deixe cozinhar por 15 minutos.
Bata no liquidificador e reserve.
Numa outra panela, refogue a cebola na margarina e junte a ervilha batida e deixe no fogo baixo até engrossar.
Se necessário, ajuste o sal.
Se ficar muito grossa, acrescente um pouco mais de água e deixe ferver.

Rendimento: 4 porções

Ingredientes
1 cubo de caldo de carne
1 litro de água
300 g de ervilha seca
1 cebola ralada
1 colher (sopa) de margarina light
Sal a gosto

Modo de preparo
Em uma panela de pressão, coloque o caldo de carne já dissolvido na água e a ervilha.
Deixe cozinhar por 15 minutos.
Bata no liquidificador e reserve.
Numa outra panela, refogue a cebola na margarina e junte a ervilha batida e deixe no fogo baixo até engrossar.
Se necessário, ajuste o sal.
Se ficar muito grossa, acrescente um pouco mais de água e deixe ferver.

Rendimento: 4 porções
Ingredientes
1 litro de água
1 cubo de caldo de carne
300 g de ervilha seca
1 cebola ralada
1 colher (sopa) de margarina light
Carne refogada picadinha , moída já pronta ou linguiça.
Sal a gosto
Pimenta a gosto

Modo de preparo
Em uma panela de pressão, coloque o caldo de carne já dissolvido na água e a ervilha.
Deixe cozinhar por 15 minutos.
Bata no liquidificador e reserve.
Numa outra panela, refogue a cebola na margarina e junte a ervilha batida e deixe no fogo baixo até engrossar.
Se necessário, ajuste o sal.
Se ficar muito grossa, acrescente um pouco mais de água e deixe ferver.

Rendimento: 4 porções

Ingredientes
1 cubo de caldo de carne
1 litro de água
300 g de ervilha seca
1 cebola ralada
1 colher (sopa) de margarina light
Sal a gosto

Modo de preparo
Em uma panela de pressão, coloque o caldo de carne já dissolvido na água e a ervilha.
Deixe cozinhar por 15 minutos.
Bata no liquidificador e reserve.
Numa outra panela, refogue a cebola na margarina e junte a ervilha batida e deixe no fogo baixo até engrossar.
Se necessário, ajuste o sal.
Se ficar muito grossa, acrescente um pouco mais de água e deixe ferver.

Rendimento: 4 porções

ANTI INFLAMATÁRIO NATURAL


Artrose, Artrite, Coluna....
Só quem passa ou já passou por essas dores, sabe avaliar o valor dessa matéria.
Repassem, tirem cópias e deem aos que não possuem Internet.

Isso é realmente algo assustador!
Mas o Dr. Al Sears indica um analgésico que não tem efeitos colaterais.
E o mais interessante é que provavelmente você já tenha esse analgésico aí na sua casa ! Plante num vaso, no quintal ou no jardim.
Os pedaços de gengibre podem durar longo tempo fora ou dentro da geladeira.
Pasme, mas esse analgésico se chama GENGIBRE. Isso mesmo! Gengibre.
Durante séculos o Gengibre tem sido usado em toda a Ásia para tratar dores nas articulações, resfriados e até mesmo indigestão.

O Gengibre cru ou cozido pode ser um analgésico eficaz, mesmo para condições inflamatórias como a osteoartrite.
Isso porque a inflamação é a causa raiz de todos os tipos de problemas como artrite, dor nas costas, dores musculares, etc.
Ele contém 12 compostos diferentes que combate a inflamação.
Um desses compostos abaixa os receptores da dor e atua nas terminações nervosas.
Juntos, eles trabalham quase o mesmo que as drogas anti-inflamatórias, tais como o ibuprofeno e a aspirina, mas sem os efeitos colaterais.
Assim, se a sua intenção é eliminar esses analgésicos, passe a consumir o Gengibre.
Seguem algumas dicas para você ter uma boa dose diária de gengibre:

Isso vai estimular a circulação sanguínea e aliviar dores nas articulações.
Beber chá de gengibre: É barato. É muito fácil. O gosto é óptimo. E cura.

Aqui está uma receita usada pelo Dr. Al Sears:
Quatro copos de água;
Um pedaço de aproximadamente 5 cm de Gengibre descascado e cortado em fatias;
Limão e mel a gosto... Se prefrir use laranja no lugar do limão. Fica óptimo!

Procedimento:
Ferva a água numa panela com fogo alto.
Assim que começar a fervura adicione as fatias de Gengibre, deixe em fogo baixo, cubra a panela para que os vapores não saiam e deixe fervendo por aproximadamente 15 minutos.
O chá está pronto! Basta coar, e adicionar o mel com o limão ou laranja.

sábado, 13 de abril de 2013

Conchigliones de Salmão al Pesto


Conchigliones-de-Salmao-al-Pesto-
Rendimento: 4 porções
Tempo de preparo: 30 minutos

Ingredientes:

- 20un. Conchigliones (massa tipo concha grande) pré-cozidos
- 300g de salmão assado (pode ser sobra)
- 2/3 de xíc. de chá de cream cheese
- ½ maço de cebolinha verde picada
- 1 xíc. de chá de folhas de manjericão
- 2/3 xíc. de chá de azeite de oliva
- 2 col. de sopa de queijo parmesão ralado
- 1 col. de chá de alho picado
- 1 col. de café de sal grosso
- 2 col. de sopa de nozes bem picadinhas
- Queijo mozzarella ralado a gosto

Modo de preparo: Amasse o salmão com a ajuda de um garfo e misture com o cream cheese e a cebolinha. Recheie as conchas com o patê de salmão.Bata no liquidificador o manjericão, o azeite, o parmesão, o alho e o sal grosso, na função pulsar até que tome consistência de molho. No final, misture as nozes com um pulso rápido. Coloque a metade do pesto de manjericão no fundo de um refratário, disponha as conchas recheadas lado a lado, regue com o restante do molho, cubra com o queijo mozzarella ralado e leve ao forno pré-aquecido em temperatura alta até dourar.

Dica: Pode ser servido frio como entrada. Neste caso, cozinhe as conchas “al dente” antes de rechear, e utilize um maçarico apenas para dourar o queijo.
fonte por Chef Guilherme Wypyszynski Walter (Ataliba de Florianópolis)

Dia 13 de abril é o Dia do Beijo e para comemorar a data nada melhor do que distribuir beijos para as pessoas que você gosta ou encher uma pessoa especial de beijinhos.


Beijo

O dia internacional do beijo foi criado por causa de um  italiano chamado  Enrique Porchelo que  beijava todas as mulheres que via pela frente, nem mesmo as casadas escapavam.
Incomodado com o  fato, um padre francês  que morava na mesma vila do tal beijoqueiro, propôs pagar um prêmio milionário em moedas de ouro, para as únicas mulheres que conseguissem escapar do ataque do tal cidadão.
Vira daqui, remexe dali e nada. Todos os anos era a mesma coisa, não aparecia ninguém para receber o prêmio.
Por causa disso, a quantia acabava sendo guardada e acumulada com a  do ano seguinte. E o saco só ia crescendo.
A população conta que nunca mulher alguma resgatou as tais moedas de ouro, já que o italiano Enrique Porchelo não dava mole e beijava todas. Acho até que elas gostavam.
Bem, o padre morreu frustrado, sem conseguir pagar o prêmio.
Conta a lenta  que as tais moedas de ouro ainda se encontram muito bem  escondidas, em algum lugar da vila italiana, só o padre sabia o esconderijo. Um saco cheio!
Por causa desse episódio, as pessoas passaram a comemorar o dia 13 de abril como o dia internacional do beijo.

Dia 13 de abril é o Dia do Beijo e para comemorar a data nada melhor do que distribuir beijos para as pessoas que você gosta ou encher uma pessoa especial de beijinhos.
Há beijos fingidos ou frios, ardentes, por obrigação ou superdesejados. Existem os aderentes, provocantes, sonoros, secos e molhados. Existem, enfim, milhares de formas de beijar e neste assunto sempre haverá o que aprender.
Os beijos são a primeira estratégia de sedução. Depois de muitos olhares e palavras, o beijo é o primeiro passo para o contato físico. Por isso é superimportante que você saiba dar beijos adequados para cada momento e, também, saiba bem como beijar.

O BEIJO
É a forma mais simples de demonstrar de carinho, afeto, amor, amizade.
Movimenta 29 músculos, sendo que 17 músculos são da língua.
Queima o excesso de calorias.
Libera um hormônio chamado serotonina, que eleva o humor e produz uma sensação de bem-estar e felicidade.
Em uma época que é prática comum entre os beijoqueiros de carteirinha beijar primeiro e conhecer o dono da boca depois ou mesmo competir com amigos para ver quem beija mais em uma balada, quem tem o privilégio de ver o mundo desaparecer durante alguns segundos, sabe valorizar um bom beijo.
Um beijo nunca é igual ao outro. Nem mesmo beijando a mesma pessoa. O beijo bom vem da prática e da intimidade. Não há regras e mesmo que elas existissem, ninguém se lembraria na hora H.
TIPOS DE BEIJOS
O doce
O derretedor
O apaixonado
fingidos ou frios
ardentes
por obrigação
superdesejados
aderentes
provocantes
sonoros
secos
molhados
De língua,
Selinho
No rosto
Roubado
De amor
De irmão
De amigo
De pai
De mãe
Vale qualquer tipo de beijo para comemorar: de língua, selinho, no rosto, roubado, de amor. Beijo de irmão, de amigo, de pai e de mãe. História do beijo
Não se sabe quem instituiu o Dia do Beijo e nem ao certo quando o beijo surgiu. Há quem diga que foi no ano 500 antes de Cristo, na Índia. Já Charles Darwin acreditava que o beijo era uma evolução das mordidas que os macacos davam no parceiro nos ritos pré-sexuais.
Há também quem diga que o beijo surgiu das lambidas que os homens das cavernas davam em seus companheiros em busca de sal. Ou ainda uma variante de um gesto de carinho das mulheres das cavernas que mastigavam o alimento e o colocavam na boca de seus filhos pequenos.
Existem, enfim, milhares de formas de beijar e neste assunto sempre haverá o que aprender.
Os beijos são a primeira estratégia de sedução. Depois de muitos olhares e palavras, o beijo é o primeiro passo para o contato físico. Por isso é superimportante que você saiba dar beijos adequados para cada momento e, também, saiba bem como beijar.

sexta-feira, 12 de abril de 2013

Bacalhau Gula Gula


Bacalhau-Gula-Gula
Ingredientes:

100 g de batata cozida
10 g de manteiga
2 ovos cozidos
5 g de salsinha
100 g de tomate concasse
10 g de azeitonas preta em rodelas
150 g de bacalhau em lascas
100 g de batata palha
Sal
Pimenta

Modo de Preparo:

Amasse as batatas cozidas e acrescente a manteiga (reserve)
Pique os ovos cozidos bem picadinhos e misture com a salsinha
Puxe os tomates no azeite com a azeitona
Monte em um aro a camada de batata e amasse outra de ovo,
Tomate e por cima coloque o bacalhau em lascas e a batata palha.

fonte
Gula Gula Ipanema

Dia do Médico Obstetra 12 de Abril


Obstetra esclarece as principais dúvidas sobre a gravidez divulgação/Divulgação
A obstetrícia é a especialidade médica que acompanha as mulheres grávidas durante a gestação, parto e pós-parto.
O médico obstetra é considerado o médico da Mulher, pois ele é responsável pelas orientações relacionadas à sua saúde.
Esse médico dá conselhos pré-gestacionais e acompanha a saúde do feto, o que permite identificar anormalidades precocemente e possibilita intervenções terapêuticas ainda no útero.
O trabalho de prevenção é realizado durante o pré-natal e tem auxiliado a diminuir as taxas de mortalidade infantil e materna. O objetivo da Assistência pré-natal é orientar a mãe quanto às modificações no organismo, modificações de hábitos alimentares e físicos, impedir que a paciente fique anêmica, orientar a mãe para um parto mais humanizado e uma gravidez saudável.
O obstetra deve alertar sempre as futuras mães quanto a doenças que possam afetar a ela e ao bebê, principalmente doenças como a rubéola e a toxoplasmose que podem causar problemas de visão, distúrbios de desenvolvimento, má formação e até mesmo o aborto.
É muito importante que o obstetra e a gestante tenham uma boa relação e confiança mútua para facilitar os exames e os encaminhamentos de uma gravidez. Entre os principais exames utilizados podemos citar: ultra-sonografia, dopplefluxometria, cardiotocografia e exames laboratoriais maternos, os mais importantes são as sorologias que visam identificar a presença de agentes infecciosos como vírus, bactérias ou protozoários. São esses exames que ajudam a diagnosticar e tratar as patologias mais comuns durante uma gravidez.
Fonte: Gineco , Só Leis

Àqueles que possuem
o dom único de entender as mulheres,
de conhecer a importância da feminilidade
e o sentimento único
  de trazer a vida
a outras vidas tão esperançosas.

A todos estes profissionais
possuidores de o dom mágico
de entender o poder feminino é
que desejamos os nossos parabéns.

quinta-feira, 11 de abril de 2013

Manjar com calda de laranja


manjar-com-calda-laranja
Tempo de preparo: 20 minutos
Rendimento: 10 porções

Ingredientes

MANJAR
2 ½ xícaras (chá) de leite desnatado
6 colheres (sopa) de amido de milho
5 colheres (sopa) de Adoçante Culinário Linea Sucralose
1 vidro de leite de coco light (200 ml)
Óleo para untar


CALDA DE LARANJA
2 xícaras (chá) de suco de laranja natural
3 colheres (sopa) de Adoçante culinário Linea Sucralose
3 colheres (sobremesa) de amido de milho
5 cravos-da-índia
1 canela em pau

Modo de Preparo
Dilua o amido de milho em ¼ de xícara (chá) de leite.
Cozinhe em fogo baixo o leite, o leite de coco, o Adoçante Dietético Pó Granular Linea Sucralose e o amido de milho, mexendo sempre, até engrossar.
Coloque o creme em uma fôrma untada com óleo.
Cubra com filme plástico, espere esfriar e leve à geladeira por duas horas.

CALDA DE LARANJA
Dissolva o amido de milho no suco de laranja.
Em seguida, acrescente os demais ingredientes e leve ao fogo baixo até engrossar. Retire os cravos e canela, espere esfriar e sirva sobre o manjar.
fonte revistagula

Da Lei Seca à ressaca: tire dúvidas sobre bebidas alcoólicas! Qual é a quantidade máxima de álcool que se pode ingerir diariamente?


Qual é a quantidade máxima de álcool que se pode ingerir diariamente?

A quantidade varia dependendo do sexo. De acordo com Débora Dourado, do Hospital e Maternidade São Luiz, as mulheres podem consumir 40 g de álcool por dia, enquanto para os homens esse número sobe para 80 g. Uma lata de cerveja tem 4% de teor alcoólico, enquanto um uísque tem de 40 a 50% - 100 ml de uísque equivalem a 40 g de álcool.

Sendo assim, a mulher e o homem podem, respectivamente, tomar cinco e oito doses de uísque por semana sem que isso interfira significantemente na sua saúde, explica a hepatologista. Vale lembrar que essa quantidade deve ser dividida durante os sete dias, e não consumida de uma vez só.


O único órgão afetado pela bebida é o fígado? Diferentemente do muitas pessoas pensam, o fígado não é o único afetado pela bebida alcoólica.

Muito antes de atingir o fígado, o álcool age no sistema nervoso central e no cérebro, provocando alteração na consciência, euforia inicial e depressão. Em longo prazo, afeta também os nervos periféricos, causando neuropatias, detalha Débora.

Por que é melhor beber de estômago cheio? Quem já bebeu depois de algumas horas sem comer sabe que a experiência pode trazer consequências desagradáveis. De acordo com Cibella, da Consultoria Equilibrium, isso acontece porque beber com o estômago vazio acelera e intensifica a absorção do álcool.

A ingestão de bebidas alcoólicas juntamente com alimento diminui essa absorção pelo organismo. É sempre recomendado consumir algo antes, durante e depois de consumir álcool. Evite alimentos com gordura e excesso de sal, aconselha a nutricionista.

É verdade que os fermentados são menos agressivos ao organismo que os destilados? Sim. Isso acontece porque os fermentados tem uma concentração menor de álcool.

As bebidas fermentadas, como a cerveja e o vinho, têm no máximo 18% de álcool, enquanto as destiladas podem atingir até 70%, explica Tereza.

A mistura entre fermentados e destilados deixa bêbado mais rápido? Pode parecer que sim, mas a mistura de bebidas não influencia na velocidade da embriaguez. Não é a mistura que deixa a pessoa bêbada, mas sim a quantidade de álcool ingerida.

Quem toma duas cervejas e depois consome uma dose de uísque ficará bêbado mais rápido do que quem só bebe cerveja, devido à unidade consumida, justifica a hepatologista do Hospital São Luiz.

Alguns alimentos, como o bombom de licor, podem alterar o resultado do bafômetro. A quantidade de álcool presente no doce é suficiente para causar alterações na corrente sanguínea? Não. Para quem fica receoso em ter problemas com a Lei Seca após comer um bombom de licor, saiba que o doce deixa de ser acusado no bafômetro entre 10 e 20 minutos após consumido.

Além disso, a quantidade de álcool também não causa alterações no organismo, já que, de acordo com Débora, é rapidamente absorvida e não afeta o funcionamento das células nervosas.

Mesmo sem ser ingeridos, enxaguantes bucais também podem causar alteração no bafômetro. Por que isso acontece? De fato, os enxaguantes bucais podem causar alterações no bafômetro, mas isso só pode ser constatado pouco tempo após o uso, assim como o bombom de licor.

Isso acontece pois o álcool presente no enxaguante bucal é umas das formas de eliminar as bactérias presentes na via oral, ficando presente tempo suficiente para ter ação eficiente e evaporando depois de alguns minutos, disse Tereza.

Por que algumas pessoas têm amnésia alcoólica? O álcool não causa o mesmo efeito em todos os seus consumidores. O organismo de alguns indivíduos é mais suscetível aos efeitos das substâncias tóxicas do álcool no cérebro.

Todos os efeitos causados pelo álcool variam de pessoa para pessoa. Uns ficam mais extrovertidos, outros ficam mais agressivos, outros choram, explica Débora.

Existem alimentos que ajudam a curar a ressaca? De acordo com as especialistas, o mais indicado parar curar ressaca é manter-se hidratado. O ideal é consumir bastante água, água de coco e sucos naturais que ajudam a limpar o organismo.

Os alimentos devem ser leves e de fácil absorção, como frutas e cereais integrais. Verduras e legumes também são ótimas opções, como pepino, cenoura, alcachofra, couve-flor, espinafre, couve e acelga, recomenda a nutricionista.


Fonte: Saúde Terra

Ocorreu um erro neste gadget