Saúde

Clique aqui para ver todos os posts com o tema de saúde, com opções naturais e ações interessantes para melhorar o seu dia-a-dia.

Receitas

Receitas de água na boca para todos os gostos: de vários lugares, doces e salgadas.

Notícias

Mantenham-se atualizados com as últimas notícias que estão rolando por Floripa e pelo mundo.

Curiosidades

Dicas e truques para fazer a vida um pouquinho mais fácil, e informações divertidas sobre todos os tipos de assunto.

Depoimentos

Opiniões e informações de todos os cantos da internet.

Bem vindos!

Variedades de Floripa ! notícias, política, depoimentos, críticas, curiosidades, vídeos e receitas !
Participe !

Todos os posts estão divididos por área, então se você tem interesse de ver somente um tipo de post, utilize a barra de categorias no topo da página, ou na seção de tags ao lado.
___________________________________________


segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Refugio dos Sonhos....


"Viver o momento presente...

Amanhã será tarde!"



Anda! Beija os teus filhos, abraça-os, dá-lhes afeto e ternura, convive e joga com eles enquanto são meninos!

Amanhã terão saído de casa!





Anda! Atende, cuida e anima os teus pais e quantos te são queridos.

Amanhã não os terás. È a lei da vida!



Anda! Põe os teus cinco sentidos e toda a tua alma no instante que vives e fá-los viver intensamente a quem tiveres a teu lado...

Amanhã talvez não esteja nas tuas mãos poder fazê-lo!



Anda! Diz ao teu esposo (a): que o amas, que é a pessoa mais importante da tua vida! Dá-te conta do que és e tens hoje...

Amanhã talvez seja tarde!



Anda! Repete a quem amas aquelas palavras amáveis ou talvez o gesto generoso que talvez esperem há muito tempo!



Anda! Oferece-lhes hoje o melhor de ti: A tua presença, a tua atenção, o teu tempo, a tua pessoa...

Não sabes se amanhã o poderás fazer...



Anda! Faz uma boa ação hoje; começa dando coisas e terminarás por dar-te a ti mesmo.

É o melhor caminho.



O amanhã que sonhas e desejas...

... talvez nunca chegue!

O consumo de coco ajuda a emagrecer e beneficia a beleza


Estudos recentes comprovaram que o coco não é um vilão da boa forma. Além de ajudar a emagrecer, ele é capaz de deixar a pele mais bonita

Água, polpa e casca. Tudo se aproveita do coco, essa fruta tropical. Os benefícios também são diversos: hidratação, rejuvenescimento, saciedade e (quem diria) perda de peso! Mas é lógico que os resultados benéficos dependem da quantidade ingerida de cada uma das partes do coco.

A água super-hidrata

Sem dúvida, o líquido retirado da fruta ainda verde é um presente da natureza. Rico em vitaminas e minerais, hidrata e nutri o organismo no primeiro gole. "Isso acontece porque a água de coco tem uma composição próxima ao do plasma sanguíneo, sendo levada facilmente para dentro das células", explica a nutricionista Erika Almeida, da Ação Nutri Consultoria, em São Paulo.

O resultado aparece na pele: "É uma bebida que ajuda a prevenir rugas, manchas e sinais do tempo", afirma o médico sanitarista e pós-graduado em nutrologia Marcio Bontempo, de Brasília. Autor do livro “O Poder Medicinal do Coco e do Óleo de Coco Extravirgem” (Ed. Alaúde), ele ressalta que a água tem vitamina E, antioxidante capaz de combater o excesso de radicais livres, os temidos inimigos da pele lisa.

Existe outro bom motivo para você ser fiel à água de coco: diurética, reduz a retenção de líquido e o inchaço. E isso também ajuda a rejuvenescer. Mas vá devagar: apesar de ter poucas calorias (46 em um copo de 200 mililitros), não deve substituir a água pura. Beba no máximo três copos (600 mililitros) por dia. A água em caixinha é boa alternativa desde que livre de corantes e conservantes.

A polpa dá energia extra

Consumida após o exercício, a água de coco repõe os sais minerais perdidos com o suor, especialmente potássio - um copo (200 mililitros) tem 500 miligramas do mineral usado na contração e relaxamento dos músculos. É por isso que muita gente que faz atividade física costuma adotá-la como um isotônico natural.

A polpa madura é outra parte ótima para quem malha. Mas, aviso: deve ser reservada para antes do treino, pois tem muitas calorias (354 em 100 gramas). "A vantagem da polpa é funcionar como fonte de energia rápida, melhorando o desempenho físico", diz o médico sanitarista Marcio Bontempo.
fonte:reportagem: Eliane Contreras - Edição: MdeMulher

Polvos ! Como amaciar ! Receita de Polvo Crocante!

Imagem do polvo





 O polvo - um cefalópode - é um dos maiores, mais rápidos e mais inteligentes de todos os invertebrados. Seu corpo é arredondado, com longos tentáculos alinhados com as ventosas poderoso que usa para agarrar a presa e mobilidade. Seus olhos são humanóides e adepto em manchar a próxima refeição.
O polvo é geralmente um morador de fundo, mas algumas espécies usam as correntes ao longo do fundo do leito do mar para se deslocar de um lugar para outro. O polvo não é muito maternal, . Os polvos jovens nadam para a superfície e flutuam entre o plâncton por alguns meses até que estejam prontos para afundar ao fundo do mar e começam sua vida como um adulto. A espécie a maior do mundo polvo é o polvo gigante do Pacífico. Não é incomum para estes gigantes para chegar a mais de 16 metros de comprimento e pesar mais de 110 quilos.



Observações:

1. Polvos do sul do Brasil apresentam ovação a partir do mês de setembro;
2. A desova ocorre em janeiro;
3. Os polvos que tem maior aproveitamento devem ter mais de 1,5 kg;
4. Antes de cozinhar, o polvo deve ser congelado por um período mínimo de 5 dias;
5. Polvos capturados pela pesca industrial não necessitam ser congelados antes do cozimento;
6. O polvo acima de 1,5 kg rende 30% do peso original após o cozimento;
7. Ao adquirir polvos, compre sempre os que apresentarem coloração entre o branco, amarelo e marrom. Quando o polvo apresentar coloração purpura ou roxa descarte. Já estão em processo de putrefação;
8. Polvos não tem tentáculos. Tem 8 braços que apresentam ventosas. Lulas tem 8 braços e 2 tentáculos;

RECEITA PARA AMACIAR POLVOS

Lave bem os polvos, retirando bem a areia depositada dentro das ventosas. Coloque o polvo em uma panela com água fervendo e fogo alto. Marque 50 minutos. Este é o tempo de cozimento. Após este tempo, desligue o fogo e deixe esfriar por 20 minutos. Retire da panela. O polvo estará muito macio e pode ser aplicado na receita desejada.

 


Receita :

INGREDIENTES
1 polvo de 2 kg. Limpo e cozido por 50 minutos em água fervente;
0,8 kg. de batatas pequenas (+- 16 batatas);
1 alho grande bem picado;
1 molho de salsa bem picado;
200 ml. de azeite
1 litro de óleo para fritar;
Sal grosso quebrado para ficar mais granulado;
Papel alumínio.
MODO DE PREPARO
Embrulhar as batatas em papel alumínio e assá-las no forno ou brasa por 1 hora. Cortar a cabeça e dividir o polvo em quatro porções (2 braços por pessoa). Aquecer o óleo em uma panela e imergir as porções mantendo-as até que as ventosas estejam douradas. Aquecer uma frigideira, colocar o azeite e o alho. Quando o alho estiver transparente, retirar do fogo e acrescentar o sal e a salsa.
MONTAGEM
Retirar as batatas do forno e colocar 4 em cada prato (4 pratos). Dar um soco leve em cada batata para que elas amassem. Colocar uma porção de polvo em cada prato e regar tudo com o azeite. Servir.




fonte : Chef Narbal Correa !

sábado, 26 de novembro de 2011

HUÎTRES À LA PROVENÇALE Ostras à Provençal


INGREDIENTES

6 ostras
1 tomate grande
1 colher (café) salsinha
1 colher (café) ciboulette
1 colher (café) cerefólio
1 dente de alho picado
1 pitada sementes de erva doce
1 dose de vinho branco
azeite, sal e pimenta do reino moída na hora a gosto

MODO DE FAZER
Retire a pele e as sementes do tomate e pique em cubinhos.
Misture um pouco de azeite de oliva a gosto.
Junte a salsinha, o ciboulette e o cerefólio bem picadinhos e acrescente o alho picado.
Coloque uma pitada de sementes de erva doce e coloque no fogo por alguns minutos.
Adicione o vinho branco e vá mexendo até reduzir um pouco. Reserve aquecido.
Tire elimine a casca superior das ostras (para saber como fazer, clique aqui).
Pegue cada uma das ostras na própria casca e cubra com um pouco do refogado.
Leve ao forno pré-aquecido a 180 graus e deixe assar por 10 minutos.
Chef Alain Uzan
fonte= correiogourmand

Verão exige cuidados especiais


..No verão, o sol, o calor, o clima de férias faz com que a gente se sinta mais à vontade, mais solta, despreocupada.
......Há até mudança no humor e no espírito de aventura. A preocupação com o visual também faz com que os hábitos alimentares mudem - come-se menos, dando preferência a saladas, legumes, enfim, alimentos mais leves.
......Mas, há ainda outros apelos. A vontade de pegar aquela corzinha, ficar mais bonita pode trazer alguns problemas se não forem tomados cuidados especiais.
......Por isso Mulher de Classe traz algumas dicas para você se cuidar melhor nesse verão.

1) BRONZEAR OU QUEIMAR
......O sol do verão exige mais cuidados do que o uso de protetor solar com fator adequado. Você deve se preocupar com o horário e o tempo de exposição ao sol pois, do contrário, você estará correndo o risco de ter alguns problemas que o sol de hoje provoca, tais como câncer de pele, envelhecimento precoce, danos à retina e ao cristalino o que facilita o aparecimento de catarata nos olhos, etc.
Há outro detalhe - no verão, os níveis de irradiações ultravioleta (IUV) no Brasil são violentos e podem causar sérios danos.
......Então cuide-se! Observe as informações da tabela abaixo.

Onde o sol queima mais
Tempo seguro de exposição
ao sol conforme a pele
Praia Montanha Piscina Branca Morena Clara Morena Escura Negra
A praia é a vilã das queimaduras. Quanto mais branca e fina a areia, maior o risco de queimaduras Quanto mais alto o lugar menor a camada de ozônio, responsável por proteger nossa pele dos raios ultravioletas
 2)  HIDRATAR E NÃO RESSECAR
......O sol, calor, cloro da piscina, sal da água do mar são elementos que vão ressecar e causar uma certa aspereza em sua pele. Seus cabelos também vão ficar ressecados e sem brilho, sem contar a mudança de tonalidade.
......Por isso, para cuidar da pele, você deve usar cremes hidratantes, esfoliantes leves para os joelhos e cotovelos, lixas  ou pedra-pomes para os pés, além de beber muita água.
......Para os cabelos, você deve usar xampus e condicionadores com filtro solar, máscaras hidratantes, condicionadores à base de queratina e xampus anti-resíduo, se sua água for de piscina.

3)  MANTER A FORMA E ATÉ EMAGRECER
......Se você quiser manter a forma ou emagrecer neste verão, e evitar problemas de saúde, faça as escolhas certas na hora das refeições.
......Não deixe de ingerir carboidratos (pães, bolachas, arroz, macarrão, batatas, etc), mas cuide para que as quantidades sejam pequenas.
......Proteínas (carnes brancas e vermelhas, leite e derivados e ovos) são importantes para seus músculos, ossos e pele. Não deixe de ingeri-los, mas dose as quantidades ou combine-os com alimentos mais leves.
Gorduras fornecem energia e são importantes para algumas funções do nosso corpo. Mas, é importante considerar que ela já está presente em muitos dos alimentos que comemos diariamente. Assim, lembre-se disso, quando adicionar temperos, molhos, cremes e pastas naquilo que estiver comendo.
......Legumes, verduras e frutas são alimentos ricos em vitaminas, minerais e fibras. São também os menos calóricos. por isso devem estar entre as suas preferências.
......Por último, se você quiser emagrecer, lembre-se que tudo que comer ou beber deve ser em menor quantidade do que o seu costume. Exceto, é claro, a água, que no verão deve ser sempre muito mais.
......Agora, curta seu verão e divirta-se!!!
Base das informações: Saúde Verão - Caderno Especial da Revista Veja

Florianópolis é um dos principais destinos turísticos do Brasil na alta temporada

Florianópolis, com cerca de 100 praias para todos os gostos e sonhos, e uma grande diversidade de ambientes naturais que encantam qualquer visitante, como trilhas, lagoas, morros cobertos com Mata Atlântica, costões, dunas, mangues e cachoeiras. Um dos destinos turísticos mais procurados do país, a capital de Santa Catarina é o lugar ideal para quem gosta de praia, natureza, esportes, cultura, história e muita badalação.
Floripa, apelido dado pelos seus moradores, é dividida entre a Ilha e o Continente, e a ligação é pelas pontes Colombo Salles e Pedro Ivo, além da histórica Ponte Hercílio Luz, de 1926, cartão postal de Florianópolis, atualmente desativada e em reforma. Considerada a Capital brasileira com o melhor índice de desenvolvimento humano (IDH) do Brasil, segundo relatório divulgado pela ONU em 2000, e a quarta cidade brasileira com a melhor qualidade de vida, Florianópolis recebe com carinho seus visitantes.
Inicialmente atraídos pelas praias, acabam encontrando na Ilha de Santa Catarina mais do que beleza, mas um ambiente acolhedor, seguro e tranquilo. Os dados do Censo IBGE de 2010 indicam que a população da Capital apresentou crescimento de mais de 15% em relação a 2000, passando de 342.315 para 421.203.

Além disso, a Capital de Santa Catarina também se evidencia pela sua multiplicação de destinos, ou seja, por ter em um único lugar praias, paisagens rurais, baladas, ecoturismo, cavalgadas, surf e esportes radicais. A cidade também possui uma diversidade de belezas naturais, com montanhas, mar, lagoas, Mata Atlântica, restingas e manguezais.

A Ilha da Magia possui o IDH – índice de desenvolvimento humano de 0,840, considerado alto, perdendo apenas para o Distrito Federal. Também é considerada a Capital com a mais alta qualidade de vida do país e a quarta melhor cidade do Brasil para se viver, de acordo com a ONU. Um estudo realizado pela Escola Brasileira de Administração Pública apontou Florianópolis como a oitava cidade do Brasil para um profissional fazer carreira.

Florianópolis é a primeira capital do Brasil e a terceira cidade do país no ranking de inclusão digital, apontada em um estudo elaborado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), com uma taxa de 33,29%.

De acordo com dados da INFRAERO a previsão é que 543 vôos de empresas aéreas internacionais e 28 vôos de empresas aéreas nacionais cheguem à cidade, uma média de 68.520 turistas internacionais vindos da Argentina, Chile, Paraguai e Uruguai. No ano passado foram 463 vôos. Já a Associação Brasileira das Empresas de Turismo de Aventura está prevendo um aumento de 30% de turistas em relação ao ano passado.
fonte:  http://www.portaldailha.com.br

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Chia proporciona benefícios à saúde e ajuda a emagrecer

Novidade quente no mundo da nutrição, a chia é a semente da planta Salvia hispanica, da mesma família da hortelã. Ela é originária do México e, antigamente, fazia parte da dieta asteca. Hoje, ajuda você a cumprir sua cota diária de fibras, além de contribuir para a saúde cardíaca e turbinar seu humor.

Fibras para dar e vender

O forte da chia é a presença desse nutriente - e você conhece bem sua importância. As fibras ajudam a regular o sistema digestivo, mas elas também ajudam seu coração a bater sempre forte. Um estudo realizado pela Universidade Northwestern, nos EUA, mostrou que, entre os participantes, aqueles que mais ingeriam fibras tinham risco de morte relacionado a doenças cardiovasculares significativamente menor. E a relação entre a chia e o coração também está sendo estudada: "Em uma pesquisa realizada no Canadá com pessoas diabéticas que receberam cerca de 40 g por dia de salba (variação branca da chia), foram observados resultados positivos na redução da pressão arterial e atenuação nos riscos para doenças cardiovasculares", afirma a nutricionista Paula Gandin, de São Paulo

Olá, bom humor!

Além de turbinar a saúde cardíaca, o ácido graxo ômega 3 traz uma vantagem extra: é inimigo do mau humor. Em um estudo da Universidade do Estado de Ohio, nos EUA, um grupo de estudantes que ingeriram uma dose diária do nutriente apresentou redução de 20% na ansiedade, em comparação com quem recebeu placebo. A boa notícia? "A chia fornece boas quantidades de ácido graxo ômega 3 e a ingestão das sementes pode ser mais uma opção além da linhaça", diz Paula.

Nutrientes do bem

"A chia tem ainda antioxidantes, cálcio, magnésio e ferro", afirma a nutricionista Priscila Di Ciero, de São Paulo. A terapeuta alimentar Gabriela Marques, também de São Paulo, completa as contas: "Tem 15 vezes mais magnésio do que os brócolis, seis vezes mais cálcio do que o leite integral, cerca de nove vezes a quantidade de ômega 3 do salmão verdadeiro, quase três vezes mais ferro do que o espinafre, além de ter mais fibras do que a linhaça e mais proteína do que a soja".

Amiga da perda de peso

Por ser rica em fibras, a chia provoca uma sensação de saciedade que pode fazer você comer menos. A terapeuta alimentar Gabriela dá três dicas práticas para isso: "coma as sementes antes das refeições, misture a chia a outros alimentos e coloque a semente em uma garrafa com água e beba ao longo do dia. Se você é malhadora, anote esta: Para quem quer perder peso com exercícios, é mais interessante consumir a chia antes do treino. No entanto, para as corredoras, as fibras podem causar desconforto gástrico e prejudicar o desempenho, se consumido em excesso, porque a corrida estimula o funcionamento do intestino". Apesar de outros estudos que relacionam a chia à perda de peso ainda não serem conclusivos, as pistas são animadoras. Um deles, realizado pela Universidade de Queensland, na Austrália, com ratos, mostrou que o extrato de chia melhorou a sensibilidade à insulina e a tolerância à glicose, reduzindo aquela gordura mais perigosa, que fica entre os órgãos.

Mais benefícios

Por possuir baixo índice glicêmico, a chia ajuda a evitar picos de açúcar no sangue, que podem causar hipoglicemia ou hiperglicemia. Para completar as vantagens, um estudo realizado por pesquisadores argentinos em 2007 relacionou seu consumo ao controle da proliferação de tumores e metástases de câncer de mama em ratos.

No seu cardápio

"Pessoas com síndrome do intestino irritável devem ser bem cautelosas no uso de sementes em geral e seguir orientações de médico e nutricionista", alerta a nutricionista Priscila Di Ciero. Fora isso, a chia não tem contraindicações. "Comece com 1 colher de sopa ao dia e aumente para 2", sugere Priscila. A nutricionista Paula Gardin lembra: "Não é necessário que a ingestão seja diária. O segredo da boa alimentação é variar e não cair na monotonia alimentar, nem mesmo com os alimentos tidos como saudáveis". Você pode juntar as sementes inteiras ou moídas em cereais como aveia em flocos, iogurtes ou saladas. Outra dica é moê-las e adicioná-las à farinha para fazer pão, bolos e biscoitos e usá-las para fazer um gel capaz de substituir o óleo, outras gorduras e ovos nas receitas. Para isso, coloque 2 colheres de chá de sementes de chia em 250 ml de água, mexa e deixe repousar até a mistura ficar gelatinosa. Também vale comer as sementes cruas - é possível armazená-las por até dois anos em um recipiente fechado, em temperatura ambiente.

Coma já!

Superpoderes

Facilita as idas ao banheiro, contribui para a saúde do coração, ajuda a manter a saciedade

Valores nutricionais

Cada porção de 25 g tem, em média, 134 calorias, 8,2 g de gorduras totais, 11 g de carboidratos, 4,3 g de proteínas e 3,4 g de fibras

Armas secretas

Rica em fibras, contém minerais e o ácido graxo ômega 3 (5,2 g por porção de 25 g)

Receita: mingau hiperproteico

Ingredientes:

- ½ xíc. (chá) de whey protein (proteína do soro do leite)

- ½ xíc. (chá) de aveia em flocos

- 2 col. (sopa) de sementes de chia

- 1 copo de 200 ml de água

- ½ banana picada ou ½ maçã sem casca picada

- Canela em pó a gosto

Modo de preparo:

Misture a whey protein com a aveia em flocos e a chia com os 200 ml de água. Leve ao fogo baixo e mexa por cerca de 5 minutos. Apague o fogo e deixe amornar por 1 minuto. Salpique canela em pó e sirva com a banana ou a maçã.

Valores nutricionais por porção: 390 calorias, 51 g de proteína, 24 g de carboidrato e 10 g de gordura.

reportagem: Julia Moióli - Edição: MdeMulher

DELICIAS DE LA PASSION Chef Carlos Ribeiro

INGREDIENTES:

100g de sagu branco
500ml de leite de coco
6 colheres de açúcar de confeiteiro
2 mangas maduras cortadas em cubos
2 colheres de polpa de maracujá
2 colheres de licor de laranja
1 bola pequena de sorvete de creme
galhos frescos de alecrim
folhas de hortelã

MODO DE FAZER
Colocar o leite de coco e o sagu em um recipiente e deixar descansar por 20 minutos.
Em seguida, levar em fogo brando por mais 15 minutos e deixar esfriar.
Num fundo de copo ou taça, colocar a manga picada. Espalhar o açúcar o licor de laranja e o sorvete.
Cobrir com colheres de sagu do leite de coco. Decorar com um raminho de alecrim.
Dica: Ao invés de manga, também pode ser usado morango.
fonte correiogourmand

sábado, 19 de novembro de 2011

Saiba mais sobre a rabanada e aprenda a preparar esse doce natalino

Rabanada com calda do restaurante A Bela Sintra

Rabanada com calda do restaurante A Bela Sintra
No território nacional, porém, esses doces feitos com pão envelhecido, embebido em leite, passado em ovos, frito e polvilhado com açúcar e canela, foram popularizados como rabanadas. E, ao espelho da Europa, elas são consumidas principalmente nas festividades natalinas.

Do outro lado do Atlântico, até dá para entender: são quitutes extremamente calóricos e energéticos que compõem bem a mesa nos gélidos Natais. Aqui, no alto verão, trata-se de uma tradição assimilada.


Conta uma lenda, relembrada pela chef Beth Branco, que as rabanadas passaram a representar fartura e prosperidade depois que uma mulher pobre, que tinha apenas pães velhos e galinhas em seu quintal, alimentou-se com a receita --que lhe rendeu leite, até então escasso, para suprir também a fome de seu filho recém-nascido.

APROVEITAMENTO

A rabanada nasce num contexto em que se constroem diferentes processos de aproveitamento do pão.


Na receita original da portuguesa Ilda Vinagre, que a trouxe do norte de seu país para reproduzi-la no restaurante A Bela Sintra, de mesma nacionalidade, o doce é finalizado com uma calda açucarada de vinho do Porto e mel, com toque de canela e cascas de limão (veja receita abaixo). "Ela resiste até três dias, pois fica embebida nesse xarope que a conserva", diz Ilda.

Já na versão abrasileirada de Jorge Amado (1912-2001), escritor baiano que nasceu em uma fazenda de cacau e tratou de fazer registros gastronômicos em boa parte de sua obra, a receita substitui o leite de vaca por leite de coco.

Certa vez, em um Natal em Paris, ele pediu à sua mulher, Zélia Gattai, que fizesse rabanadas para presentear o dono de uma frutaria da esquina da rue Saint Paul.

Quando seu Romero bateu o olho nos doces, exclamou: "C'est du pain perdu" [isso é pain perdu]. Mas, não, contam os relatos da filha do autor, em "A Comida Baiana de Jorge Amado". Eram fatias de pão amanhecido, de receita inspirada nas tais fatias de parida, nas fatias douradas, nos pains perdus...
passo a passo culinaria
folha.com

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Pavê bicolor de bombom

Pavê bicolor de bombom
Ingredientes:

. 1 pacote biscoito maisena
. 8 bombons Ouro Branco

Creme Branco:
. 1 lata de leite condensado
. 3 gemas
. 1 lata de leite (use a mesma medida da lata do leite condensado)

Creme de chocolate:
. 4 colheres (sopa) de chocolate
. 1 colher (sopa) de amido de milho
. 1 e ½ copo de leite
. 2 colheres (sopa) de açúcar

Cobertura:
. 3 claras
. 5 colheres (sopa) de açúcar
. 1 lata de creme de leite sem soro

Modo de preparo:

Primeiro creme: Em uma panela, junte o leite condensado, o leite e as gemas. Misture bem e leve ao fogo até engrossar. Despeje em um refratário médio e reserve. Sobre esse creme distribua uma camada de bolachas umedecidas em um pouco de leite. Cubra com 4 bombons Ouro Branco picados e reserve.

Creme de chocolate: Em uma panela, junte o chocolate em pó, o amido dissolvido no leite e o açúcar e leve ao fogo,mexendo até engrossar e deixe esfriar. Distribua o creme de chocolate sobre as bolachas, espalhando bem.

Cobertura: Bata as claras em neve,acrescente o açúcar e bata mais. Junte o creme de leite, misture bem e cubra o pavê. Decore com o restante dos bombons picados e leve ao freezer por 3 horas. Sirva gelado.

terça-feira, 15 de novembro de 2011

FRASES ..... CAMPANHA PELA VIDA: CADA UM CUIDE DA SUA ! PARTICIPE !


'Não perca tempo tentando se vingar de
quem te fez algum tipo de maldade ou
de alguém que deseja seu mal.
O que é ruim se destrói sozinho.
Pessoas foram criadas para serem amadas
Coisas foram criadas para serem usadas,
O motivo pelo qual o mundo está um caos,
É que coisas estão sendo amadas
e pessoas estão sendo usadas.
Lembre-se dos três "R": Respeito por si próprio, Respeito pelos outros, Responsabilidade pelas sua ações.
Não acredite em tudo que você ouve, não gaste tudo que você tem, nem durma tanto quanto você queria.


CURIOSIDADES GASTRONOMICAS

CROISSANT

Pequeno pão, com formato de meia-lua. Em francês, croissant significa crescente. Sua origem é incerta, alguns o considerando francês, outros afirmando sua criação por padeiros de Budapeste, no século 17. A história mais consistente, entretanto, conta que foi criado por padeiros austracos, em 1686, durante a guerra com a Turquia. Na frente de batalha, durante a noite, um grupo de padeiros ouviu os turcos cavando um túnel por sob a cozinha do acampamento, possivelmente com o objetivo de atingir a retaguarda dos austríacos, para imprensá-los. O alarme dos padeiros levou à derrota os turcos. Como prêmio, receberam o privilégio de criar uma pastelaria no formato do desenho da bandeira turca, uma lua crescente, para comemorar a vitória. Originalmente, sua massa era mais densa e semelhante à de um pão. Foi somente a partir de 1900 que um criativo padeiro francês alterou a receita, tornando a massa mais leve e folhada.




Os indianos acreditavam que ele tinha sido criado por Vishwamitra, para alimentar os deuses e nas crônicas de Alexandre, o Grande, já era mencionado como um mel sólido, obtido sem o auxílio das abelhas. Sempre considerado um indicador de riqueza, conta-se que no ano de 80, no casamento de Harum-Al-Rachid, foram consumidas 40  toneladas de açúcar. Sua difusão pelo mundo aconteceu graças a egípcios e árabes, mas a Europa só vai conhecê-lo no final da Idade Média, em função das Cruzadas. O Brasil recebeu as primeiras mudas por volta de 1515, vindas da Ilha da Madeira, e teve seu primeiro engenho em 1532, em São Tomé (São Paulo), com aparelhagem manual. No século seguinte, já era o maior produtor e fornecedor mundial, permanecendo assim até o final do século XVII, quando perdeu a liderança.


A origem do sushi é muito antiga. Mais do que um prato, foi um método de preservação de peixes utilizado no Sudeste Asiático. Cozido o arroz, colocava-se no seu interior pedaços de peixe e sal. O peixe assim "embrulhado" fermentava por meses, e só ele servia de alimento.  Introduzido na China por volta do século 8 d.C., o alimento chega ao Japão no período Heian (final do século 8 até o século 12) e, lá, o período de fermentação foi alterado e adicionou-se vinagre de arroz ao sushi. Com o passar do tempo, o arroz passou a ser consumido também.


Influência portuguesa no Japão, trazida por missionários. A palavra vem de têmporas, os dias de prece e jejum que se repetiam quatro vezes ao ano, segundo o calendário eclesiástico, durante os quais os portugueses se abstinham de carne e comiam camarões fritos, à maneira que os japoneses passaram a chamar de  tempura.


Embora confundidos mundo afora, por serem ambas derivadas da cana-de-açúcar, a Cachaça e o Rum são produzidas de maneiras diferentes. Também chamada de pinga, aguardente ou arrebenta peito, a cachaça é destilada diretamente do suco da cana-de-açúcar. Por outro lado, a maioria dos runs é produzido a partir do melaço, um subproduto do refino do açúcar.


O nome deste quitute vem de doughnut, que em inglês significa "rosca frita". A expressão foi usada pelo historiador Washington Irving no livro History of New York (História de Nova York), de 1809, para descrever uma delícia criada no século 16  por padeiros holandeses e trazida por imigrantes para os Estados Unidos. Porém, até então, eles não tinham o tradicional furo no meio. Isso só apareceu em 1847, criado pelo marinheiro americano Hanson Gregory. A invenção fez enorme sucesso e virou uma paixão na terra do Tio Sam. Essa criação valeu-lhe uma placa de bronze na sua cidade natal, Rockport.
Pão tradicional do Natal, o Panetone é uma espécie de bolo, recheado de frutas cristalizadas e uvas passas. Iguaria indispensável em qualquer ceia, o Panetone tem uma origem nobre. No final do ano de 1395, o duque de Milão, Gian Galeazzo Visconti, resolveu festejar o recebimento das insígnias ducais com a criação de um pão bem diferente. Por estar perto da época natalina, o aparecimento do Panetone ficou ligado à idéia de comemoração e felicidade. Com as técnicas de fabricação e conservação, o Panetone popularizou-se no mundo inteiro (alguns até se modificaram) mas na receita original vão os mesmos ingredientes de 500 anos atrás.






A origem e o nome do Marzipan possui várias versões. Uma delas diz que as palavras "panis" e "maza" vem do latim e significam "massa de pão". Outra história dá conta que na época do filósofo Péricles, os cozinheiros gregos tinham o hábito de preparar tortas de amêndoas com mel. Já na época do nascimento de Jesus Cristo, diversos relatos informam que havia comércio de marzipan com mel. Um pouco mais adiante, na época do Cristianismo, moldavam-se santos feitos com massa de amêndoas, apresentados em romarias e peregrinações.

Outra lenda conta que há 500 anos, Marieta, filha do confeiteiro Badrutt, em Veneza, combinou amêndoas com açúcar. Dizem que esta combinação aconteceu no dia de São Marcos, e recebeu o nome de "Marci Panis" (pão de Marcos).

Outro registro narra que em 1407, na cidade alemã de Lübeck, houve uma crise na colheita que causou fome em todo povoado. Como a cidade estocava uma grande quantidade de açúcar e amêndoas, todos os padeiros foram convocados para desenvolver uma receita de pão feita com amêndoas e açúcar.



Bastante apreciada desde 1832, quando o mestre doceiro Franz Sacher desenvolveu a receita na Áustria, a torta é recheada com geléia de damasco e tem uma massa especial de chocolate, a típica massa Sacher. Conta a história que a receita foi criada para um banquete oferecido em 1832 pelo príncipe Klemens Wenzel Lothar Metternich, artífice da Santa Aliança, organização multinacional instalada para impedir qualquer revolta nacionalista e liberal na Europa. Em Viena, a torta é conhecida pelo hotel que leva o mesmo nome.





Criada em 1933, pelo italiano Alfonso Bialetti, a cafeteira italiana é uma dessas invenções que nunca saem de moda. A diferença fundamental das cafeteiras italianas é que o café é passado de baixo para cima sobre uma fonte de calor, geralmente o fogão.

Em 1933, Alfonso Bialetti criou a primeira cafeteira de alumínio. Esta cafeteira, a qual pode ser encontrada em cerca de 90% dos lares italianos, era simples e compacta. A afirmação de Bialetti era que sua criação “não exigia qualquer habilidade”.
 
Presente em mais de 200 milhões de lares, a tradicional cafeteira italiana possui um design simples e robusto, além de ser um produto que dificilmente ficará obsoleto, prova disso é que seu design se mantém praticamente intacto desde a concepção em 1933.

A cafeteira italiana está conectada com mudanças sociais, tecnológicas e econômicas provocadas pelo fascismo durante a década de 1930. Juntamente com a ascensão do fascismo, ocorreu a revolução nos hábitos de consumo dos italianos. Nesta época, o que mais se tornou conhecido foi o método italiano de preparar café em casa.

Ocorreu um erro neste gadget